Segunda-Feira, 11 de Fevereiro de 2019 - 14:51 (Política)

L
LIVRE

VEREADORA ADA DANTAS VISITA LOCAL ONDE PONTE QUEBROU E BUSCA INSTALAÇÃO DE PONTE METÁLICA

Na manhã desta sexta-feira (08), a vereadora Ada Dantas Boabaid (PMN) esteve no final da Rua Ivan Cury, Bairro Jardim Santana, verificando a queda de uma ponte de madeira


Imprimir página

Na manhã desta sexta-feira (08), a vereadora Ada Dantas Boabaid (PMN) esteve no final da Rua Ivan Cury, Bairro Jardim Santana, verificando a queda de uma ponte de madeira, que foi improvisada por moradores. A referida ponte faz ligação com a Rua Petrolina, no Bairro Mariana.

Na última quarta-feira (06), a dona de casa Marilúcia Azevedo tentava ajudar uma mulher que caiu da ponte, quando a estrutura improvisada quebrou e ela também caiu dentro d’água, quebrando o pé. A ponte era uma ligação entre os bairros que, mesmo oferecendo riscos, ajudava os moradores em seus deslocamentos.

“Muitos alunos da Escola Jânio Quadros passavam por essa ponte, seja a pé ou de bicicleta. Agora que a estrutura quebrou, será necessário que eles façam um caminho ainda mais longo para chegar à escola”, comentou Ada Dantas.

Na oportunidade, estiveram presentes o Secretário Municipal de Meio Ambiente, Robson Damasceno, além dos engenheiros Yaylley Jezini e Paulo Regis.

Robson afirmou que o serviço pode ser realizado em um prazo razoável, mas afirmou estar sem recurso para a instalação da ponte metálica, que custa em média R$40 mil reais e seria colocada em aproximadamente 30 dias, permitindo até a travessia de motocicletas. “A vantagem de fazermos esta ponte metálica é que se, por acaso seja feita a ligação das ruas, a ponte poderá ser colocada em outro local”, concluiu o secretário.

Ada Dantas afirmou que buscará o recurso para a instalação da ponte neste local, bem como a colocação de outra ponte alguns metros à frente, onde também há ponte de madeira, por onde os populares estão realizando a travessia. “Estou acompanhando este problema e não medirei esforços para que seja colocada a ponte metálica, que tem vida útil de aproximadamente 30 anos”, finalizou Ada Dantas.

Fonte: 015 - Assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias