Sexta-Feira, 10 de Janeiro de 2020 - 19:45 (Colaboradores)

L
LIVRE

VÁ COM DEUS, DONA CIDA!

A jornalista Aparecida Costa, a Cida, faleceu nesta sexta-feira (10/1) em Porto Velho.


Imprimir página

Julio Olivar

Foi assessora de imprensa do lendário governador Jorge Teixeira e, muito dedicada, cuidou de conservar em acervo tudo sobre ele: tinha seus discursos por escrito (inclusive o da posse no cargo, ainda no tempo do território), anotações diversas, condecorações, fotografias e até peças de vestuário militar.

Escreveu livros sobre Teixeira, zelou de sua memória que se confunde com a implantação do Estado de Rondônia e lutou bravamente para manter aberto o Memorial Governador Jorge Teixeira, que funciona na antiga residência dos governadores do Estado. 

Muitas vezes incompreendida por cobrar e exigir melhorias para o espaço, não deixou de batalhar e conservar o memorial dignamente, levando em conta apenas o princípio do respeito pela preservação da história.

Ao lado de sua inseparável amiga e parceira de lutas e vitórias, historiadora Yêdda Borzacov, Cida deixou seu legado para Rondônia e merece toda reverência. 

Neste dia triste de sua partida, fica também a alegria de termos conhecido alguém especial de alma leve, de princípios e valores exemplares; fica o registro de que Cida foi uma cidadã útil, ética e incansável, tanto quanto humilde e afetuosa. 

Que sua imagem e sua biografia agora sejam instaladas no mesmo memorial que ela idealizou e foi a principal mantenedora, com ou sem apoio oficial. Cida está imortalizada na história de Rondônia. 

Minhas singelas homenagens, 

Júlio Olivar

Fonte: News Rondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias