Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020 - 22:49 (Polícia)

16
Não recomendado para menores de 16 anos

ATUALIZADA: CRIMINOSOS TENTAM MATAR APENADO À TIROS, NA FUGA ATIRAM NA CABEÇA DE MOTORISTA DE APLICATIVO E ROUBAM SEU CARRO

O apenado foi socorrido por populares até a Upa leste para que pudesse receber os primeiros socorros.


Imprimir página

O apenado monitorado por tornozeleira eletrônica Flankislaine P., de 32 anos, sofreu uma tentativa de homicídio na noite de quinta-feira (28), ao ser baleado com um tiro no ombro em frente a sua residência localizada na Rua Jataí com a Rua Anápolis, bairro Jardim Santana, região leste da capital.

De acordo com informações que a Polícia Militar apurou, o motorista de aplicativo Geraldo M., de 19 anos, foi roubado e foi obrigado a levar pelo menos dois bandidos em seu veículo até o bairro Jardim Santana onde os suspeitos passaram na frente da casa da vítima Frankislaine, efetuando vários tiros, onde acabou sendo atingido no ombro e os suspeitos fugiram no gol branco.

O apenado foi socorrido por populares até a Upa leste para que pudesse receber os primeiros socorros. Minutos depois os policiais receberam informações de uma outra tentativa de homicídio na Avenida Raimundo Cantuária com Mané Garrincha no bairro Socialista e ao chegarem se depararam com várias pessoas próximas da vítima que estava caída ao solo com um tiro na cabeça.

Testemunhas contaram para Polícia que o gol ao parar no endereço citado o motorista desceu, retirou Geraldo que já estava no banco traseiro e um dos bandidos pediu para que ele corresse e nesse momento efetuou um disparo atingindo a cabeça da vítima. Em seguida fugiram do local, mas após 500 metros abandonaram o carro da vítima devido o pneu ter estourado e depois fugiram tomando destino ignorado.

A Polícia solicitou com brevidade uma ambulância do Samu que logo chegou no local e prestou os primeiros socorros a vítima o encaminhando as pressas para a emergência do hospital João Paulo II, onde foi levado para o centro cirúrgico, passou por cirurgia e ficou internado com o estado de saúde grave. O carro do jovem Geraldo foi periciado, pois dentro do carro havia manchas de sangue e poderiam também encontrar impressões digitais dos criminosos.

Fonte: NewsRondonia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias