Quarta-Feira, 31 de Julho de 2019 - 11:42 (Saude)

L
LIVRE

TONTURA NEM SEMPRE É CULPA DA LABIRINTITE: SAIBA QUAIS PODEM SER AS OUTRAS CAUSAS

A causa mais comum é a vertigem posicional paroxística benigna (VPPB), caracterizada pelo deslocamento de cristais de cálcio dentro do labirinto, o que causa a sensação de tontura.


Imprimir página

Engana-se quem acredita que toda tontura é consequência de uma labirintite. Lesões no labirinto (estrutura localizada dentro do ouvido) são apenas algumas das causas que levam pessoas a se sentirem tontas. No entanto, doenças neurológicas também podem provocar a sensação de desequilíbrio.

A causa mais comum é a vertigem posicional paroxística benigna (VPPB), caracterizada pelo deslocamento de cristais de cálcio dentro do labirinto, o que causa a sensação de tontura.

— O labirinto é uma estrutura responsável pelo equilíbrio do corpo. Nós temos um em cada ouvido. Quando há algum problema em um dos dois, o corpo bloqueia a ação do lado afetado, que deixa de passar informações sobre o movimento. É esta falta de informação que provoca a sensação de vertigem (de que tudo em volta está girando) — explica o terapeuta vestibular André Luis dos Santos.

A tontura pode ser classificada de duas maneiras: as rotatórias (nas quais o paciente sente que tudo parece rodar) e a não-rotatória (na qual a pessoa se sente desestabilizada, mas não vê nada girar). A sensação de estar tonto pode ser um indicativo de que há algo de errado no organismo e por isso é importante procurar orientação médica.

— Quando uma pessoa sente tontura por estar em jejum há muitas horas, por exemplo, não há porque se preocupar, basta comer. Mas quando os episódios de tontura acontecem com frequência fora desta situação, é preciso procurar por um otorrino para investigar as causas — orienta Wallace Nascimento, otorrinolaringologista no Hospital Adventista Silvestre.

Além da tontura, o paciente pode sentir sintomas como enjoo, desequilíbrio, mal estar, dor de cabeça, sensação de pressão nos ouvidos e movimentos involuntários dos olhos.

O tratamento para a tontura vai depender da causa. Quando a falta de equilíbrio é provocada por uma lesão no labirinto, é recomendado o uso de remédios que eliminem os sintomas e sessões de fisioterapia vestibular para combater de vez o que provoca a sensação de tontura.

Possíveis causas

Labirintite

Inflamações no labirinto podem ocasionar a sensação de desequilíbrio por afetar a transmissão de informações sobre os movimentos realizados.

Vertigem (VPPB)

O deslocamento de cristais de cálcio dentro do labirinto quando a cabeça se movimenta causa a sensação de ver tudo girar.

Doenças neurológicas

Parkinson, AVC, tumor cerebral ou Alzheimer podem causar a sensação de tontura, principalmente entre os idosos.

Queda de pressão

A mudança brusca de pressão provoca alterações em todo o corpo e afeta a função do labirinto.

Problemas cardíacos e de circulação

Arritmias cardíacas ou insuficiência do coração, assim como problemas circulatórios dificultam o fluxo de sangue e prejudicam o labirinto.

Fonte: 015 - extra/globo

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias