Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2016 - 15:38 (Dica de Leitura)

L
LIVRE

TODO FRACASSO PODE SER UMA PONTE PARA O SUCESSO

O esforço para vencer as adversidades nunca será inútil.


Imprimir página

Vimos na coluna anterior como é importante para nossas vidas nos mantermos fortes diante do sofrimento, firmes em nossa fé e em nossos valores, conscientes de que a dor dá mais brilho às nossas almas. A adversidade é dolorosa. A chave para superá-la é não se menosprezar nem permitir que pensamentos negativos tomem conta da nossa mente. É importante fazer um esforço constante e firme para superar as dificuldades. E mesmo que o sucesso não seja alcançado, o destino sempre nos abrirá outras portas. Algumas situações irão se esclarecer ainda durante nossa vida na Terra, outras ficarão ocultas até deixarmos este mundo. O esforço para vencer as adversidades nunca será inútil.

Mesmo no plano estritamente material, a maior parte dos aprendizados da vida não vem do sucesso, mas dos fracassos. Na verdade, algumas das mais ricas sementes de criatividade e progresso estão ocultas nos erros e nas falhas. A maior parte dos sucessos ocorre logo após alguma decepção. Momentos de insucesso permitem eliminar o que não funciona bem. Com isso, reduzimos as chances de passar pela mesma decepção duas vezes.

Toda experiência que não termina em sucesso é uma valiosa oportunidade para aprender, refletir e se aprimorar. Descobriremos por que não fomos capazes de ter sucesso e o que foi que faltou – capacidade, competência, visão do conjunto, ação no momento certo ou circunstâncias particulares. Quanto mais elevados forem nossos ideais e aspirações, maiores as adversidades que teremos de enfrentar e maior o número de erros que estaremos sujeitos a cometer.

Nessa caminhada, o segredo é perguntar sempre: “Que lição eu tiro disso?”. Quando tiver a resposta, o ideal é aplicar o que descobrimos nas nossas próximas tentativas. O grande problema não é errar, mas permanecer no erro. Aliás, somente erra quem tenta, quem trabalha, quem persegue metas.

Fonte: Press Página

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias