Terça-Feira, 26 de Março de 2019 - 14:39 (Política)

L
LIVRE

SUPERINTENDENTE DA SEDI APRESENTA AÇÕES PARA 2019, NA COMISSÃO DE INDÚSTRIA, COMÉRCIO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA

Pasta é responsável pelos projetos de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura do Governo


Imprimir página

Atendendo ao convite formulado pela Comissão de Indústria, Comércio, Ciência e Tecnologia (CICCT), o superintendente estadual de Desenvolvimento Econômico e Infraestrutura (Sedi), Sérgio Gonçalves da Silva, compareceu à reunião ordinária desta terça-feira (26), para apresentar o planejamento das ações para 2019. Ele estava acompanhado de seus principais coordenadores e assessores.

Participaram da reunião os deputados Chiquinho da Emater (PSB), presidente da CICCT, Aélcio da TV (PP) e Edson Martins (MDB).

"Temos o desafio de gerar emprego e renda e trabalhar unidos, para que possamos ter sucesso nessa empreitada. Rondônia é o Estado das oportunidades e queremos contribuir para que mais oportunidades sejam criadas para o nosso povo", destacou Chiquinho.

A pasta é a responsável no Governo por planejar e promover ações efetivas, para o fortalecimento do desenvolvimento econômico e da infraestrutura, segundo informou o superintendente. A Sedi gerencia o Fider (Fundo de Desenvolvimento Industrial de Rondônia).

"Estamos definindo quais as ações irão dar mais impacto econômico e de desenvolvimento, para definirmos as prioridades, pois é uma área muito ampla e não podemos atacar em todos os segmentos", observou.

Sérgio Gonçalves disse que o trabalho se sustenta no estímulo à atração de negócios. "Estamos formatando um caderno de atividades, para mostrar aos investidores que temos muitas oportunidades de negócios, apresentando no Brasil e no exterior. Vamos trabalhar ainda junto aos nossos empresários locais, para que ele tenha informações de negócios e de investimentos", observou.

O superintendente relatou que esteve recentemente conhecendo o trabalho da Investe São Paulo, considerada a melhor agência de fomento no mundo. "É um modelo pronto, que podemos adequar à nossa realidade. Não é preciso criar, basta ajustar aos nossos interesses. Em 10 anos, a Investe São Paulo tem um trabalho de destaque e consolidado".

Ele apresentou uma pesquisa, realizada no Governo passado, em parceria com a Fiero, que levantou dados socioeconômico de Rondônia, que representa apenas 0,59% do PIB nacional, somando R$ 38 bilhões.

"Na região Norte, estamos em primeiro lugar em ranking de competitividade e no ranking nacional somos o 14º. Ou seja, temos muito o que avançar e para isso precisamos incentivar as exportações e trazer mais investimentos para Rondônia", explicou.

Pela complexidade e abrangência do tema, como o prazo regimental da Comissão é de meia hora, ficou acertada para a próxima reunião da CICCT, uma nova rodada de apresentações.

Fonte: 015 - ALE/RO - DECOM

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias