Segunda-Feira, 10 de Setembro de 2018 - 14:31 (Humor)

L
LIVRE

SUCESSO DE HUMOR, 'VAI LÁ SABIDO' É AGRACIADO COM PLACA DE OURO PELO YOUTUBE

Durante um bate papo com o News Rondônia, o mais 'sabido' entre todos, Djalma, o criador da zorra toda, relembrou como foi desenhar o programa em meados de 2012.


Imprimir página

Eles tratam de política com irreverência, fazem prestação de serviço de forma única e provocam a melhor das sensações nos telespectadores e seguidores: O riso. Nós estamos falando no programa “Vai Lá Sabido” – líder de audiência, quando se trata de humor, na televisão rondoniense e também na internet.

Na semana passada, o reconhecimento veio através de uma placa envida pela própria direção do Youtube, a tão sonhada e desejada Placa de Ouro. Nessa segunda-feira (10), o número de inscritos já havia ultrapassada a meta e somou 1.145.113 de seguidores, fruto de talento, criatividade e força de vontade.

Durante um bate papo com o News Rondônia, o mais “sabido” entre todos, Djalma, o criador da zorra toda, relembrou como foi desenhar o programa em meados de 2012, as dificuldades em colocar os primeiros episódios no ar e também da satisfação em ter o trabalho reconhecido no país, ultrapassando as fronteiras geográficas e do bairrismo social.

“Fazer humor em Porto Velho é complicado. Há cinco anos, quando fizemos o esboço do programa, as pessoas andavam muito mal humoradas, havia muita manifestação nas ruas. Além disso, não tínhamos um elenco suficiente para colocar em prática nosso plano, não tinha pessoas que trabalhavam com o humor protestante, e é claro, a falta de dinheiro, patrocínio. Então, nós pesávamos em fazer um programa para internet, porém, por meio de conversas, de propostas, conseguimos levar o nosso programa na Rede TV Rondônia que soube abrir as portas, soube acreditar no nosso projeto e também ao News Rondônia que retransmitia os episódios dando ainda mais visualização ao nosso trabalho”, relembrou.

Vencida essas barreiras, os desafios continuaram. Depois de firmar nas telinhas locais, eles tiveram que lidar com o preconceito e até em desmistificar sérias acusações de plágio tendo em vista que outros programas, de repercussão nacional, O Pânico Na TV e CQC, faziam um trabalho parecido. No entanto, Djalma e sua ‘tropa’ que é composta por contratados e familiares zelou pela própria identidade, criaram personagens com características únicas dando importância sumária às raízes do norte, do estado de Rondônia. O famoso Doctor Silva confirma essa máxima.

Depois de cair no gosto popular e por sua vez, ganhar a confiança de vez, o Vai Lá Sabido massificou seu público nas redes sociais por meio do “Narrando a Cena”. No Facebook, um dos seus vídeos foi visualizado por mais de 2 milhões de seguidores. Ainda no campo do reconhecimento, o programa recebeu voto de Louvor da Assembleia Legislativa (ALE-RO) e outras condecorações da Câmara de Porto Velho.

O que se pode aguardar do “Lá Vai Sabido” no futuro? Djalma Sabido responde: “Continuaremos trabalhando com independência! Estamos com planos, já em 2019, elevar nossa voz no estado de Goiás. É uma alegria muito grande, saber que somos de Porto Velho e que estamos ganhando o humor de Goiás. Queremos chegar os televisores de todos os brasileiros. Queremos o nosso programa veiculado em rede nacional. Para internet, de imediato, uma nova meta foi estipulada por alcançar os 10 milhões de seguidores no Youtube. Nós queremos ganhar outro prêmio do site. Vamos ganhar o mundo porque quem é sabido não assiste qualquer coisa!”,

“Estamos planejando um filme do Vai Lá Sabido. Teremos várias participações de humoristas brasileiros, conhecidos nacionalmente. As cenas estão sendo gravadas e editadas. Será uma produção com recurso próprio e com ajuda de alguns parceiros. Será um filme que promete muita coisa boa”, acrescenta.

Sobre o recente frisson, de alcançar a marca de 1 milhão de seguidores, um vídeo comemorativo vem sendo produzido. O elenco promete uma mega produção com muitos efeitos e claro, boas gargalhadas. Antes, porém, Djalma Sabido agradece o apoio que recebeu ao longo dos anos pelos amigos, patrocinadores e dos rondonienses.

“Eu não tive apoiadores, eu tenho amigos. Hoje eu fico muito triste em não ter tanto apoio cultural dos órgãos públicos de Rondônia, mais sou feliz por conquistar a confiança da população e de alguns empresários e diretores de comunicação. Isso abriu portas, deu oportunidade para revelar talentos e principalmente oferecer informação, humor de qualidade”, finalizou.


Confira aí o Narrando a Cena dessa semana:

Fonte: NewsRondônia

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias