Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019 - 17:32 (Saude)

L
LIVRE

SESAU OFERECE RESIDÊNCIA UNIPROFISSIONAL EM ENFERMAGEM OBSTETRÍCIA

O Programa de Residência Uniprofissional em Enfermagem Obstetrícia foi instituído pela Secretaria de Estado da Saúde de Rondônia, por intermédio da Comissão de Residência Multiprofissional


Imprimir página

O Programa de Residência Uniprofissional em Enfermagem Obstetrícia foi instituído pela Secretaria de Estado da Saúde de Rondônia (Sesau), por intermédio da Comissão de Residência Multiprofissional (Coremu), com objetivo de formar enfermeiras obstetras, visando à assistência ao parto humanizado, reduzindo o número de intervenções durante o processo de trabalho de parto.

A atenção ao parto é caracterizada pela institucionalização, pelos avanços tecnológicos e pelas rotinas e padronização das ações dos profissionais. De forma oposta, a formação das enfermeiras obstetras visa a assistência voltada para o respeito à fisiologia do parto, com redução do uso de intervenções desnecessárias e aos princípios da humanização. As intervenções desnecessárias durante o processo de trabalho de parto tem sido a causa da persistência de péssimos indicadores maternos e perinatais, relacionados também aos desfechos negativos.

A residência é uma modalidade de ensino de pós-graduação Lato Sensu, sob a forma de curso de especialização, caracterizado por ensino em serviço, com carga horária de 60 horas semanais, com duração mínima de dois anos, sob o regime de dedicação exclusiva nas seguintes Unidades de Saúde: Hospital de Base Dr. Ary Pinheiro e Unidades de Saúde vinculadas a Secretaria Municipal de Saúde (Maternidade Municipal Mãe Esperança e Unidades Básicas de Saúde). A sua formação engloba competências e habilidades que viabilizam uma assistência integral, entendendo e respeitando todo o processo do trabalho de parto de forma natural, o que repercute positivamente na saúde de mãe/bebê e família.

Em fevereiro deste ano foram disponibilizadas quatro vagas para a primeira turma de pós-graduação na modalidade de residência. E já está aberto o edital para a segunda turma, com quatro vagas para enfermeira em obstetrícia. Todas as informações estão no site https://www.fundatec.org.br

A residência tem como coordenadora geral as enfermeiras Mestre Aline Vilela, como coordenadora adjunta, a Enfermeira Obstetra Thaís Capelli, que tem implementado um processo de ensino aprendizagem com vistas a desenvolver a autonomia no processo de decisão, o conhecimento técnico científico consolidado através de metodologias ativas de ensino aprendizagem, liderança, gestão de pessoas, humanização e principalmente qualidade no modelo de assistência ao parto e nascimento implementados nos serviços de assistência materno infantil.

Fonte: Francisco Rodrigo/Newsrondonia - Secom

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias