Sexta-Feira, 21 de Fevereiro de 2020 - 17:17 (Cidades)

L
LIVRE

SEGEP CONTA COM APOIO DE MUNICÍPIOS PARA CONCLUIR ATUALIZAÇÃO CADASTRAL DE SERVIDORES PÚBLICOS ATÉ 30 DE MARÇO

Rondônia tem atualmente na sua folha mensal de pagamentos, 44.975 servidores, dos quais, 37.760 efetivos.


Imprimir página

Dois servidores da Superintendência Estadual de Gestão de Pessoas (Segep) visitaram os municípios de Ariquemes, Cacoal, Ji-Paraná e Vilhena, para orientar servidores municipais na atualização cadastral de servidores estaduais ativos.

Mesmo assim, conforme analisou hoje (21) o coronel Sílvio Luiz Rodrigues, gestor da Superintendência Estadual de Gestão de Pessoas (Segep), se faz necessário maior empenho de todos os órgãos estaduais para o cumprimento do prazo de encerramento desse serviço, já prorrogado para o próximo dia 31 de março.

Policiais militares e bombeiros militares inativos que vieram do Instituto de Previdência do Estado (Iperon) também necessitam fazer a atualização cadastral, para esclarecer eventuais dúvidas acerca do vínculo.

Rondônia tem atualmente na sua folha mensal de pagamentos, 44.975 servidores, dos quais, 37.760 efetivos.

“Nas reuniões, nossos servidores fazem palestras e transmitem conhecimentos para os pontos focais de cada município, ensinando como proceder e como cuidar da atualização cadastral”, informou.

“Mas o percentual de respostas ainda é pequeno, precisamos vencer as dificuldades, e assim possibilitaremos ao Estado de Rondônia receber em dia os recursos federais”, apelou Rodrigues.

O superintendente lembrou que o eSocial é abrangente e restringe o excesso de informações anteriormente prestadas. “Esse sistema informatizado da administração pública precisa ser correspondido”, opinou o superintendente.

A Segep repassará a relação de servidores aos municípios, para facilitar a atualização. O superintendente frisou novamente que a partir de 2021, a cada aniversário, o servidor deverá fazer a prova de vida.

► eSocial, sistema informatizado da Administração Pública, foi instituído pelo Decreto nº 8373/2014 para desenvolver a escrituração digital das obrigações fiscais, previdenciárias e trabalhistas.

► A obrigatoriedade de utilização desse sistema para os empregadores é estabelecida pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, (Portaria do Ministério da Economia nº 300, de 13/06/2019 e Portaria da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho nº 716, de 4/07/2019), conforme cronograma de implantação e transmissão das informações por esse canal.

Fonte: 015 - Secom - Governo de Rondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias