Segunda-Feira, 07 de Janeiro de 2019 - 16:49 (Colaboradores)

L
LIVRE

POLÍTICA & MURUPI: O ESTILO BOLSONARO

O presidente Bolsonaro andou dando caneladas na entrevista que concedeu ao SBT e foi instado a deixar que só Paulo Guedes fale sobre economia, mas ficaram pegadas.


Imprimir página

FRASE DO DIA:

“Vamos democratizar as verbas publicitárias. Nenhum órgão de imprensa terá a mais ou a menos daquilo que nós, de maneira racional, iremos gastar com nossa imprensa." – Bolsonaro

1-Dos males o menor

A Secom-Secretaria de Comunicação irá administrar as contas pessoais das mídias do presidente Bolsonaro. “Meno male belo”. Reativos como são o capitão e seus filhos, o decreto transfere a tarefa aos profissionais do ramo que conhecem e transitam pelas redes sociais sem qualquer envolvimento pessoal.

Que seja assim e que mais à frente não surja o “Blog do Capitão” ou algo do tipo. Que Bolsonaro nos tire do calvário sem fim e fazendo jus ao nome Messias assuma a cruz que pediu para carregar já que para tanto se empenhou e delegue tudo mais que não pode ou não sabe fazer, amém.

"Dez argumentos para você deletar agora suas redes sociais". Em tempos de guerra virtual e fakenews, um livro para pensar sobre a nossa vida real e sobre nossa vida – será vida mesmo? – virtual. 

O autor Jaron Lanier, um dos criadores da realidade virtual fala do bombardeio constante das redes sociais e como isso nos muda para pior. Ele viaja nos efeitos das redes sobre a saúde mental, como quem olha as notificações várias vezes ao dia. E ele questiona se é certo avaliar o sucesso pessoal por seu perfil virtual e garante: “Sob um ponto de vista técnico, o uso constante de redes sociais tem mais a ver com vício em jogos e apostas. Ambos são vícios comportamentais.” Vixi...

Vêm aí três delações do fim do mundo: Sérgio Cabral, mais sujo que “poleiro de pato” e com uma “capivara” que precisa de três vidas para pagar, está buscando advogado para entregar o chibé. Tem mais: Uma delação de Orlando Diniz que acostou no STF vai pegar a proa do ministro Augusto Nardes do TCU. Mais? A caixa preta do BNDES vai virar samba do crioulo doido. Entram políticos, empresários, lobistas e doleiros e o desfile não tem hora para acabar. Coisa para quem tem coração e ideologia fortes.

4-O estilo Bolsonaro

O presidente Bolsonaro andou dando caneladas na entrevista que concedeu ao SBT e foi instado a deixar que só Paulo Guedes fale sobre economia, mas ficaram pegadas.

As reformas e dentre elas a tributária continua sendo pauta e muito principalmente porque Marcos Cintra – está na equipe de Paulo Guedes – e Luciano Bivar cacique do PSL irão reativar a pregação do Imposto Único que os dois defendem e que é adotado em vários países com o nome de IVA. Base maior com todos pagando menos, porém pagando, resulta em ganho de arrecadação, desburocratização e menor sonegação.

Uma das tetas gordas da viúva que vazava leite aos borbotões vai ter um torniquete apertado. A Caixa Econômica Federal que deve R$40 bilhões terá de devolver à União a dívida. “Ela não tem prazo. Não é justo. Todos nós aqui temos prazos para pagar. Os bancos privados também têm. OS R$ 40 bilhões serão pagos, uma determinação de meu chefe, o ministro da Economia”, disse o presidente da Caixa Pedro Guimarães que com Rubem Novaes do Banco do Brasil e Joaquim Levy do BNDES tomaram posse hoje cedo. Paulo Guedes vai arrochar quem deve ao país. Bau-bau vida boa...

leoladeia@hotmail.com

 

Fonte: Leo Ladeia/NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias