Sexta-Feira, 23 de Agosto de 2019 - 15:06 (Internacional)

12
Não recomendado para menores de 12 anos

PADRE DESVIA QUANTIA MILIONÁRIA DE DOAÇÕES DA PARÓQUIA PARA BANCAR ENCONTROS E LUXOS

O padre Joseph McLoone, tem 56 anos e mora no município de Downingtown, localizado no estado americano da Pensilvânia.


Imprimir página

Infelizmente, notícias polêmicas envolvendo religiosos aparecem constantemente na mídia. Em muitas situações, padres e pastores chocam os fiéis com atitudes que não são absolutamente nada cristãs. Isso ocorre principalmente quando os escândalos têm relação com relacionamentos.

De acordo com a doutrina da igreja católica, os padres não podem ter nenhum tipo de relacionamento amoroso. Eles são adeptos do celibato, quando a pessoa abre mão de ter qualquer tipo de relacionamento íntimo com outra pessoa. Já no caso dos pastores evangélicos, esse tipo de situação não acontece, pois eles podem se casar normalmente.

A notícia envolvendo um padre católico deixou a comunidade cristã chocada. O religioso está sendo acusado de desviar uma grande quantia de dinheiro. Segundo a suspeita, ele teria desviado aproximadamente R$ 400 mil da paróquia do qual era responsável.

A acusação acaba se tornado ainda mais grave para os fiéis, devido a motivação do desvio. O padre estaria gastando o dinheiro da paróquia para se relacionar com homens que conhecia através de um aplicativo de paquera chamado Grindr. Além de gastar com encontros, o acusado teria realizado outras despesas consideradas ilegais.

O padre Joseph McLoone, tem 56 anos e mora no município de Downingtown, localizado no estado americano da Pensilvânia. Ele cuidava da paróquia desde o ano de 2010. Há aproximadamente um ano, o comportamento do religioso começou a levantar suspeitas.

Conforme os investigadores, o padre tinha uma conta secreta, onde realizava os depósitos que eram desviados da igreja. Além de bancar encontros secretos com homens, o clérigo também ostentava uma vida luxuosa com os fundos arrecadados pela paróquia. Inclusive, ele mantinha uma casa de veraneio em Nova Jersey, que era sustentada com o dinheiro ilícito

Fonte: 1news

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias