Segunda-Feira, 21 de Janeiro de 2019 - 16:38 (Pecuaria)

L
LIVRE

OITO MUNICÍPIOS PRODUTORES DE LEITE RECEBERÃO CALCÁRIO PARA CORREÇÃO DE SOLOS EM PASTAGENS

De acordo com o secretário de Estado da Agricultura (Seagri), Evandro Padovani, o calcário será utilizado na recuperação de solos ácidos com baixa produção.


Imprimir página

Cerca de duas mil toneladas de calcário serão transportadas para correção de solos em pastagens de oito municípios produtores de leite, conforme informou o coordenador de Desenvolvimento Agropecuário da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), Avenilson Gomes da Trindade.

A remessa de calcário para correção de solos em propriedades produtoras de leite será feita nos municípios de Alto Paraíso, Alvorada, Costa Marques, Cujubim, Governador Jorge Teixeira, Jaru, Machadinho do Oeste e Pimenteiras do Oeste, e Distrito de São Domingos, para atender a 81 produtores, com produção acima dos 200 mil litros diários de leite.

De acordo com o secretário de Estado da Agricultura (Seagri), Evandro Padovani, o calcário será utilizado na recuperação de solos ácidos com baixa produção.

“O calcário já recuperou mais de um milhão de hectares em áreas degradadas que hoje produzem soja, milho, café e pastagem para alimentar o rebanho do Estado, estimado em 14 milhões de cabeças, sendo cerca de 3 milhões de cabeças em bovinocultura leiteira”, afirmou Padovani.

Segundo ele, a visão do governador Marcos Rocha é a de continuar incentivando as cadeias produtivas com a oferta de insumos que proporcionem maior produtividade das culturas existentes e, neste caso, o fortalecimento da produção leiteira atinge a uma gama de produtores familiares.

O produto tem custo acessível, porém, é encarecido pelo valor do frete. Neste sentido, o produtor compra o calcário e o Fundo de Investimento e Apoio ao Programa de Desenvolvimento da Pecuária Leiteira do Estado de Rondônia (Fundo Proleite) estará custeando o transporte para as regiões a serem atendidas, com 54 viagens de 35 toneladas, em média.

O Proleite viabiliza incentivos para financiar a política de desenvolvimento da pecuária leiteira no Estado. Rondônia produz atualmente cerca de dois milhões de litros de leite ao dia e lidera a produção na Região Norte.

Fonte: 010 - SECOM - GOV/RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias