Quinta-Feira, 10 de Maio de 2018 - 09:25 (Colaboradores)

L
LIVRE

O LABIRINTO DAS OBRAS PÚBLICAS

Nada menos que 22.000 obras públicas paralisadas em nosso país. Prejuízo estimado em 1 Trilhão de Reais (números dados pelo Senador Ataídes de Oliveira, presidente da Comissão Especial de Obras Inacabadas – CEOI).


Imprimir página

Nada menos que 22.000 obras públicas paralisadas em nosso país. Prejuízo estimado em 1 Trilhão de Reais (números dados pelo Senador Ataídes de Oliveira, presidente da Comissão Especial de Obras Inacabadas – CEOI).

Sim !!! O Brasil tem uma Comissão para tratar de obras inacabadas.

Pois bem,

Segundo o relatório inicial produzido pela Comissão em 2016, os motivos são diversos, e após um ano de trabalho foi lançado o “Programa Avançar”, com meta de retomar e finalizar mais de 7.000 obras até o fim de 2018.

A pergunta:

Se os gestores do governo têm à sua disposição Técnicos, Procuradores, Auditores Internos e Externos, Legislação e Normas detalhadas, como foi possível termos chegado a esse ponto? Sem dúvida, fica evidente que nenhum desses atores foi capaz de impedir essa alarmante situação.


Para termos uma dimensão melhor do cenário, considerando os mais de 5.000 municípios brasileiros teríamos 4 obras paralisadas para cada um deles, sem contar aquelas que mesmo em andamento possuem problemas de qualidade, atraso, danos ao erário, corrupção, etc...

A Resposta: 

Não entendemos do negócio !!! É fato, pois do contrário os números seriam outros e não estariam pulverizados de Norte a Sul do país.


Enfim, qualquer um que esteja de algum modo ligado a uma obra pública está em um labirinto que poderá fulminá-lo e o cronômetro regressivo dispara assim que a obra tem início. 

Desse modo, das duas, uma:

Ou você encontra uma estratégia que revele o caminho para sair desse labirinto, ou morre dentro dele.


Muita Cautela e Boas Obras !!!

Fonte: José Eduardo Guidi - NewsRondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias