Sexta-Feira, 03 de Abril de 2020 - 15:34 (Educação)

L
LIVRE

NOVA VERSÃO: COMO FUNCIONA O ENEM DIGITAL 2020? SAIBA TUDO SOBRE A PROVA ONLINE

É a primeira vez que o exame será aplicado em computadores; neste ano, 100 mil estudantes poderão fazer a prova no novo formato


Imprimir página

O ENEM Digital é a nova modalidade do Exame Nacional do Ensino Médio para 2020. Além de ser aplicado na versão impressa, este ano, os candidatos poderão fazer a prova no computador pela primeira vez. As regras para a aplicação do exame foram divulgadas pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) na última terça-feira (31).

Nesta edição, que será o modelo piloto para o novo formato do exame, 100 mil participantes poderão optar pela modalidade digital. Embora não tenha surpreendido os estudantes, já que foi anunciada no ano passado, a novidade gerou uma série de perguntas. O cronograma seguirá as datas da versão impressa? Quais são as regras para inscrição? O Enem 2020 pode ser aplicado no computador do candidato? A seguir, o TechTudo esclarece as principais dúvidas sobre a prova online.

Como funciona o Enem Digital?

O Enem Digital é a nova modalidade de aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio. A versão da prova para computadores foi anunciada pelo Ministério da Educação em 2019 e será aplicada pela primeira vez neste ano, em modelo piloto. Segundo o MEC, a implantação do novo Enem será progressiva, e a expectativa é que até 2026 o exame seja 100% online.

Serão disponibilizadas 100 mil inscrições para os primeiros participantes que optarem pela edição digital. A estrutura do exame será igual à da versão impressa: os candidatos devem ir ao local de prova para fazer quatro testes objetivos, com 45 questões cada, mais a redação. Esta, no entanto, será aplicada no papel. A prova de língua estrangeira também está mantida no Enem Digital, e o estudante deverá optar por inglês ou espanhol no ato da inscrição.

Segundo o MEC, a nova modalidade de aplicação traz economia com a redução da impressão de papel e representa um ganho para o meio ambiente. Só em 2019 foram mais de 10,2 milhões de provas impressas para o Enem. Os custos da aplicação superaram R$ 500 milhões.

Do ponto de vista técnico, o Enem Digital vai permitir a aplicação de novos tipos de questões. Será possível trabalhar com vídeos, infográficos e até incorporar a lógica dos games à prova. "O objetivo do projeto não é simplesmente fazer uma prova em computador, mas sair do mundo analógico e passar para o mundo digital de aplicação de provas", explicou o presidente do Inep, Alexandre Lopes, ao anunciar a novidade.

Inscrições Enem Digital 2020: prazos e regras

As inscrições para as duas modalidades do Enem estarão abertas de 11 a 22 de maio. Os candidatos podem se inscrever na Página do Participante (enem.inep.gov.br/participante) ou no aplicativo do Enem. Quem optar por fazer o Enem 2020 impresso não poderá se inscrever na edição digital. Vale ressaltar que não é possível alterar a modalidade escolhida após o término da inscrição.

O valor da taxa de inscrição permanece o mesmo da edição de 2019: R$ 85. A quantia deverá ser paga até 28 de maio, por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU) em qualquer banco, casa lotérica ou agência dos Correios. Os pedidos para isenção de pagamento estarão abertos a partir de 6 de abril. Para fazer a solicitação, o estudante precisa se encaixar em um dos três critérios abaixo:

- cursar a última série do ensino médio em 2020 em escola da rede pública declarada ao Censo Escolar;

- ter cursado todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsista integral na rede privada, além de ter renda, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio;

- estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica por ser membro de família de baixa renda, devendo informar o Número de Identificação Social (NIS), único e válido, além de ter renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos.

Aplicação do exame digital: datas, horários e locais

As provas do Enem Digital serão aplicadas em dois domingos: 11 e 18 de outubro. No primeiro dia do exame, os candidatos farão as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Redação e Ciências Humanas e suas Tecnologias. A aplicação terá 5 horas e 30 minutos de duração. Já o segundo dia do Enem será destinado às provas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias e Matemática e suas Tecnologias. Os estudantes terão 5 horas para concluir o exame.

Assim como ocorre na edição impressa, o Enem Digital 2020 seguirá o horário de Brasília (DF) para abertura e fechamento dos portões e início e término das provas:

Enem Digital 2020: horários

As 100 mil vagas do Enem Digital 2020 serão distribuídas entre 60 municípios de 18 estados brasileiros. Entre as cidades com maior número de vagas estão São Paulo (14.303), Rio de Janeiro (8.977) e Belo Horizonte (8.133). A lista completa pode ser encontrada no edital do exame, publicado no Diário Oficial da União na última terça-feira (31).

É importante ressaltar que o participante precisa comparecer ao local de prova determinado pelo Inep para fazer o exame. Não será possível fazer a prova em um computador particular.

Cronograma

O cronograma do Enem Digital 2020 segue as mesmas datas da versão impressa do exame. A única exceção é a aplicação das provas: enquanto a versão digital acontece em 11 e 18 de outubro, a edição impressa ocorre em 1 e 8 de novembro. Confira as principais datas das duas modalidades na tabela abaixo:

Cronograma Enem 2020: digital e impresso

Edital

Os editais das versões impressa e digital do Enem 2020 foram publicados no Diário Oficial da União (DOU) da última terça-feira (31). O documento traz informações detalhadas a respeito do exame, incluindo a lista completa de municípios participantes da edição digital, os componentes curriculares de cada prova e os critérios para eliminação.

Também é no edital que o participante pode conferir as regras completas para solicitação de isenção da taxa de inscrição e pedido de tratamento pelo nome social. É possível verificar, ainda, informações sobre o processo de correção das provas.

O edital da versão impressa pode ser acessado em: www.in.gov.br/web/dou/-/edital-n-25-de-30-de-marco-de-2020exame-nacional-do-ensino-medio-enem-2020-impresso-250463829

Já o edital da versão online está disponível em: www.in.gov.br/web/dou/-/edital-n-27-de-30-de-marco-de-2020exame-nacional-do-ensino-medio-enem-2020-digital-250467799

Fonte: Ana Letícia Loubak, para o TechTudo

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias