Segunda-Feira, 14 de Outubro de 2019 - 16:31 (Polícia)

14
Não recomendado para menores de 14 anos

MULHER É ESFAQUEADA PELO EX NA PORTA DA IGREJA E É SALVA PELO FILHO

Uma mulher de 42 anos, identificada como Vandenilza Guimarães da Silva, foi esfaqueada pelo ex-marido na porta da igreja


Imprimir página

Uma mulher de 42 anos, identificada como Vandenilza Guimarães da Silva, foi esfaqueada pelo ex-marido por volta das 20h45 desse domingo (13), na porta da Igreja Batista Monte das Oliveiras, localizada no bairro Itaúna, localizado em Parintins (distante 369 quilômetros em linha reta da capital).

Segundo a delegada Alessandra Trigueiro, titular da Delegacia Especializada de Polícia (DEP) do município, na ocasião do crime, Vandenilza estava saindo de um culto quando foi surpreendida pelo ex-companheiro, José Luiz da Silva Souza, de 40 anos, que desferiu cinco golpes de faca contra a vítima, atingindo a região do pulmão, peito, braços e costela.

Após o fato, a mulher foi socorrida e encaminhada ao hospital do município, onde permanece internada e não corre risco de morte. Segundo familiares e amigos da vítima, o agressor não aceitava o fim do relacionamento.

Salva pelo filho

“O que não falta é testemunha”, declarou o filho da vítima, Vinícius da Silva de Oliveira, de 19 anos, ao registrar Boletim de Ocorrência na DEP de Parintins. Na ocasião, o rapaz revelou como agiu para livrar a mãe das mãos do ex-padrasto, que estava armado com uma faca.

“No momento da confraternização, no último louvor que a gente apresentava na igreja, me falaram que ele [José Luiz] estava lá na frente e eu saí logo para falar com ele. Foi que a mamãe veio atrás de mim e ele saiu me empurrando. Quando ele segurou no braço dela, eu cheguei lá e empurrei ele. Foi que ele puxou a faca da cintura e segurei nos braços dele, mas ele conseguiu se soltar de mim e correu para cima dela. Foi que eu peguei ele pelas costas e joguei ele, mas ele já tinha tido tempo de desferir umas facadas nela”, contou Vinícius.

Prisão

Conforme a delegada, após o ocorrido, José Luiz ainda tentou fugiu do local, mas foi detido e espancado por um grupo de moradores no mesmo bairro. Bastante ferido, o agressor de Vandenilza foi levado ao Hospital Padre Colombo, onde recebeu tratamento médico. Depois de receber alta, o agressor foi conduzido por policiais militares até o prédio da delegacia para os procedimentos cabíveis.

O autor do crime foi autuado em flagrante por feminicídio tentado e será encaminhado para audiência de custódia.

Fonte: Francisco Rodrigo/Newsrondonia - Manaus Alerta

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias