Quarta-Feira, 20 de Fevereiro de 2019 - 10:01 (Economia)

L
LIVRE

MOTO HONDA ANUNCIA INVESTIMENTO DE R$ 500 MILHÕES NA FÁBRICA DO AM

O governador do Amazonas disse que a multinacional demonstra a confiança no modelo ZFM


Imprimir página

O governador Wilson Lima (PSL) participou, nesta terça-feira (19/02), da cerimônia em que a Moto Honda da Amazônia anunciou novo ciclo de investimentos, da ordem de R$ 500 milhões, na fábrica implantada no Polo Industrial de Manaus (PIM), até 2021.

O governador disse que a multinacional demonstra a confiança no modelo. O evento contou com a presença do novo superintendente da Zona Franca de Manaus, coronel Alfredo Menezes.

“Hoje é um dia muito simbólico porque a Moto Honda, mais uma vez, demonstra o seu comprometimento com o povo do Amazonas e com a retomada do crescimento econômico no país”, ressaltou, ao afirmar que a parceria com a Moto Honda tem contribuído para enfrentar os efeitos da crise econômica brasileira no PIM, com a perda de empregos e redução de investimentos nos últimos anos.

Em seu discurso, Wilson Lima destacou o papel da Zona Franca para a economia do país. “Nós temos uma responsabilidade muito grande de proteger o modelo Zona Franca porque ele tem uma importância não só para a nossa região, mas também para o país. E o Brasil precisa entender a importância desse modelo que garante, sobretudo, desenvolvimento econômico e social”, destacou.

INVESTIMENTOS

A Moto Honda reuniu, nesta terça-feira (19), dirigentes, imprensa e autoridades para anunciar que vai investir, nos próximos três anos, R$ 500 milhões em instalações, equipamentos e tecnologia. Renovação de equipamentos, construção de novos prédios, reposicionamento de linhas produtivas e melhoria de postos de trabalho estão entre as ações a serem executadas até 2021.

De acordo com Issao Mizoguchi, presidente da Honda na América Latina, o pacote de investimentos reafirma o compromisso da empresa em contribuir com a economia amazonense. “Já investimos na Amazônia mais de US$ 2 bilhões, incluindo aportes, infraestrutura, equipamentos, capacitação de pessoal, desenvolvimento de novas tecnologias e inovação. Mais de 50 mil empregos diretos já foram gerados”, disse o presidente.

Fonte: 013 - Portal de Amazônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias