Sabado, 02 de Março de 2019 - 12:58 (Meio Ambiente e Ecologia)

L
LIVRE

MINISTRO DO MEIO AMBIENTE EXONERA SUPERINTENDENTE DO IBAMA EM RO

Em 30 anos nunca houve uma exoneração coletiva tão grande como essa.


Imprimir página

O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, exonerou 21 dos 27 superintendentes regionais do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis). As mudanças foram publicadas no Diário Oficial dessa quinta-feira (28/2). Os substitutos, no entanto, não foram anunciados.

Foram exonerados os superintendentes de Tocantins, Sergipe, Santa Catarina, Roraima, Rondônia, Rio Grande do Norte, Piauí, Pernambuco, Paraíba, Minas Gerais, Mato Grosso, Maranhão, Goiás, Espírito Santo, Distrito Federal, Ceará, Bahia, Amazonas, Amapá, Alagoas e Acre. Em 30 anos nunca houve uma exoneração coletiva tão grande como essa.

As superintendências são responsáveis por comandar o Ibama nos estados. A instância executa principalmente as operações de fiscalização e também atua em emergências ambientais, na prevenção e no controle de incêndios florestais.

A atuação fiscalizatória do Ibama tem estado sob aos ''cuidados'' do presidente Jair Bolsonaro (PSL), que já declarou em diversas oportunidades a intenção de acabar com uma suposta “indústria da multa” no órgão.

Consultado, o Ministério do Meio Ambiente não havia informado, até a última atualização desta reportagem, os motivos das exonerações.

Fonte: 24 HORAS NEWS

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias