Sexta-Feira, 12 de Julho de 2019 - 12:13 (Polícia)

10
Não recomendado para menores de 10 anos

MEMBROS DE FACÇÃO INVADEM E PICHAM CASA DE PASTORA

De acordo com a fonte, que pediu para mantermos sua identidade em sigilo, os momentos de tensão passados na noite da invasão foram terríveis, de horror.


Imprimir página

Acre - Na noite desta terça-feira (9), foi enviado a reportagem do ContilNet, um vídeo de uma invasão ocorrida no último dia 4 de julho, no bairro Hélio Melo, conhecido como Sapolândia, em Rio Branco. Segundo informações, a facção criminosa denominada Bonde dos 13, resolveu invadir e pichar a residência de uma pastora evangélica que mora na localidade, em represália a uma invasão ocorrida no bairro por membros do grupo rival, Comando Vermelho.

De acordo com a fonte, que pediu para mantermos sua identidade em sigilo, os momentos de tensão passados na noite da invasão foram terríveis, de horror.

  • “Esse vídeo foi feito semana passada, no dia 4, no bairro Hélio Melo, conhecido como Sapolândia. A gangue Bonde dos 13 e PCC invadiu a casa de uma pastora agredindo-a verbalmente e psicologicamente, dizendo que vai matá-la. No vídeo dá para ouvir ela clamando pela própria vida, pedindo para não morrer. Os bandidos quebraram a porta e móveis, picharam dentro de casa nas portas e paredes, e saíram gritando: é o bonde!!! Eles falavam palavras de baixo calão e atiravam pra cima, aterrorizando os moradores”, conta a fonte.

Segundo ainda o informante, no bairro a situação pela disputa pelo tráfico é intensa, tanto que, por duas vezes, a facção do Comando Vermelho tenta tomar a região dominada há anos pelo Bonde dos 13. “Eles invadiram o bairro Mocinha Magalhães, tomaram as principais bocas de fumo. Lá existia o Bonde na Rua do Côco, mas, com a saída dos líderes, dominaram fácil. Agora, querem a Sapolândia”, explicou.

Após o vídeo, os faccionados fugiram da residência, mas continuaram tocando o terror na região. Na casa da evangélica, ficou as pichações de azul, com a marca do grupo criminoso, além de móveis quebrados e o medo de uma possível nova invasão.

 


Fonte: 015 - contilnetnoticias

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias