Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020 - 16:59 (Política)

L
LIVRE

LÉO MORAES QUER DIMINUIÇÃO DO VALOR DOS COMBUSTÍVEIS NOS ESTADOS

De acordo com o parlamentar, é inadmissível que o preço diminua nas refinarias e não abaixe nas bombas de gasolina.


Imprimir página

Nesta segunda-feira (17), o deputado federal Léo Moraes (Podemos-RO) fez uma transmissão ao vivo, em seu perfil do facebook, falando a respeito de sua proposta para a construção uma nova base de cobrança de impostos e consequente redução do preço do combustível para o consumidor final. De acordo com o parlamentar, é inadmissível que o preço diminua nas refinarias e não abaixe nas bombas de gasolina.

O preço médio da gasolina fechou a semana custando R$ 4,60 nos postos de Porto Velho, segundo levantamento divulgado pela Agência Nacional do Petróleo (ANP). Esse é o maior valor pago pelo consumidor desde 26 de outubro de 2019, quando o litro custava R$ 4,47. "Diminui lá, aumenta aqui. As distribuidoras só servem para prejudicar a população, só para fazer novas incidências de cobrança de tributos e o povo sempre sai prejudicado", afirmou o parlamentar.

A idéia do Projeto de Lei para equiparar o percentual de redução da União no preço dos combustíveis praticados nos Estados objetiva incluir no Código Tributário Nacional um dispositivo que nivele a redução de carga tributária nos demais entes federativos. O líder do Podemos prometeu levar a discussão para a próxima reunião de líderes na Câmara dos Deputados.

Pela quarta vez, a Petrobrás reduziu os preços da gasolina nas refinarias. Os cortes acompanham a queda das cotações internacionais do petróleo. Não obstante, os cortes promovidos pela empresa demoram a chegar nos postos de combustíveis.  O repasse ao consumidor depende de políticas comerciais de postos e distribuidoras, além dos impostos estaduais e federal.

Fonte: 015 - Assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias