Sabado, 16 de Novembro de 2019 - 09:45 (Polícia)

12
Não recomendado para menores de 12 anos

JORNALISTA DE 37 ANOS MORRE APÓS QUEDA DE AVIÃO

Marcela Brandão Elias era nora de um dos maiores decoradores do país. Deixou filho de 6 anos, que também estava no avião e segue internado


Imprimir página

A jornalista e relações públicas Marcela Brandão Elias, 37 anos, que morreu na queda de um avião de pequeno porte na praia de Barra Grande, distrito de Maraú, no sul da Bahia, era uma figura muito conhecida na “alta sociedade” paulistana. O bimotor Cessna Aircraft modelo 550 caiu quando se preparava para pousar na pista do resort Kiaroa Eco-Luxury Resort, por volta das 14h de quinta-feira (14/11/2019).

Conforme informações da revista Veja, Marcela era casada com Eduardo Elias, filho de Jorge Elias, um dos maiores decoradores do Brasil, e de Lucila. Marcela, que era jornalista e atuou por muitos anos como relações públicas, deixa um filho de 6 anos.

Ainda de acordo com a revista, o avião bimotor Cessna 550 transportava amigos e parentes para um fim de semana na Bahia. A bordo estavam: Eduardo Trajano Elias (filho de Lucila e Jorge), Marcela Brandão Elias (única vítima fatal), o filho deles, Eduardo Brandão, de 6 anos, Tuka Rocha (ex-piloto de stockcar), Maysa Mussi (irmã de Marcela), Eduardo Mussi (irmão do deputado Guilherme Mussi), Cristiano Rocha, Marcelo Constantino Alves, Marie Cavelan, Fernando Oliveira e o piloto da aeronave, Aires Napoleão Guerra.

Os sobreviventes foram levados para hospitais de Salvador em aeronaves do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer). Segundo a Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), cinco vítimas foram encaminhadas para o Hospital Geral do Estado (HGE), uma para o Hospital do Subúrbio e três para o Hospital Municipal de Salvador, em Cajazeiras.

Não há informações sobre o estado de saúde dos feridos. A Secretaria de Saúde destacou que não fornece o estado de saúde de pacientes internados na rede de assistência estadual.

Destroços

As primeiras informações sobre o acidente indicam que a aeronave caiu quando se preparava para o pouso na pista do resort Kiaroa Eco-Luxury Resort, por volta das 14h da quinta-feira. Logo após a queda, os passageiros conseguiram sair antes de o fogo tomar conta da aeronave. Marcela Brandão Elias ficou presa nos destroços do avião e o corpo ficou carbonizado.

O avião pertencia ao bilionário brasileiro José João Abdalla Filho, 74. Banqueiro e político, ele é atualmente o nono homem mais rico do Brasil (769º do mundo), conforme informações da revista de negócios Forbes.com. Mais conhecido como Juca Abdalla, ele é dono do Banco Clássico e tem uma fortuna estimada em US$ 3,1 bilhões (R$ 12,9 bilhões).

Fonte: 015 - Metrópoles/LOURENÇO FLORES

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias