Sexta-Feira, 24 de Maio de 2019 - 08:44 (Política)

L
LIVRE

'INVESTIR NA ROÇA É GARANTIR UM FUTURO MARAVILHOSO', DESTACA PRESIDENTE LAERTE GOMES NA SESSÃO ITINERANTE NA RONDÔNIA RURAL SHOW

Ele destacou que é preciso reconhecer que a aptidão de Rondônia é a produção agrícola


Imprimir página

Proponente da sessão itinerante realizada na 8ª Rondônia Rural Show, nesta quinta-feira (23), em Ji-Paraná, o presidente da Assembleia Legislativa, Laerte Gomes (PSDB), enalteceu, durante pronunciamento, o pequeno produtor e a roça como protagonistas “do estado gigante que Rondônia será em um futuro próximo”.

O parlamentar deu boas vindas e saudou todos os presentes, autoridades políticas, civis militares e agradeceu em especial, a presença de uma comitiva de deputados bolivianos, do Departamento do Beni, em visita a Rondônia Rural Show para estreitar relações e negócios.

Sobre a sessão itinerante da ALE na 8ª edição da RRS, Laerte Gomes disse que “isso só mostra o comprometimento dos nossos deputados com o setor produtivo de Rondônia”.

“Esse é um momento que só nos faz acreditar que, nos próximos anos, teremos um futuro maravilhoso para Rondônia, Volto a dizer, a nossa maior riqueza é a roça, e hoje, aqui nesse grande evento, estamos fazendo o casamento perfeito, agregando ao setor tecnologia de ponta e conhecimento para produzirmos mais em menor tempo”, declarou o presidente.

Laerte disse acreditar que o governador Marcos Rocha (PSL) presente na sessão, ao conhecer a Rondônia Rural Show pela primeira vez, dará uma atenção especial ao setor produtivo quando for elaborar o orçamento do Estado.

“Não tenho dúvidas que o governador dará uma atenção diferenciada para a agricultura, afinal, sabemos que não se faz política agrícola com R$ 3 milhões, R$ 4 milhões de recursos para investimentos. Precisamos ter coragem de cortar gastos em vários lugares para garantirmos investimentos no setor produtivo. Eu volto a dizer, a cada R$ 1 investido na roça, o retorno é de R$ 10”, enfatizou Laerte.

O parlamentar destacou que é preciso reconhecer que a aptidão de Rondônia é a produção agrícola, porém, que a agricultura do estado não é do grande produtor.

“É do pequeno e do médio, do homem da roça, é ele que precisa de investimento, de incentivo. Não tenho nada contra os grandes, mas se garantirmos a eles boas estradas, já estamos fazendo nossa parte. Rondônia produz leite, carne, inhame, urucum, cacau, peixe, arroz, fruticultura e pelo potencial que temos, agregamos pouco valor porque produzimos pouco para atrair indústrias”, argumentou o presidente da ALE.

Para o parlamentar, o Governo precisa se atentar à elaboração de programas, subsídios e amparar um setor que, segundo o presidente, transformará Rondônia em um gigante do agronegócio.

“E eu acredito que vamos conseguir isso junto, Governo do Estado e Assembleia Legislativa, lado a lado. Não queremos briga, somos maduros e experientes e temos todos um só objetivo, o bem-estar do estado de Rondônia e de seu povo. Mas respeito é algo não pode faltar entre os dois lados. A base de um bom relacionamento se faz com harmonia, boa conversa e diálogo inteligente. Se não tivermos maturidade para isso a coisa vai para o brejo”, citou o presidente.

Laerte fez agradecimentos a todos os deputados da Casa de Leis de Rondônia. O presidente disse que o Poder Legislativo Estadual vive um momento onde, de forma unânime, os parlamentares estão abrindo mão de benefícios dos quais têm direito.

“Ao concordarem com nossa gestão pautada pela economia, os deputados passaram e economizar com veículos, diárias, nomeações, desligando centrais de ar às 13h30m, nos apoiando na ideia de leiloar os carros da Assembleia e usar serviços de aplicativos, enfim, cada um dos nossos deputados têm feito isso e resultado não poderia ser outro. Em três meses e meio de uma gestão econômica, já temos R$ 30 milhões no caixa da ALE. Mérito de todos os parlamentares e vocês podem ter certeza que iremos aplicar muito bem esse recurso”, garantiu Laerte Gomes.

O presidente explicou que parte do recurso será destinado a entidades que precisam de ajuda a exemplo do Hospital de Câncer de Barretos em Porto Velho Hospital Santa Marcelina, Hospital São Daniel Comboni em Cacoal, além de entidades comprometidas com a recuperação de usuários de drogas.

“E o restante vamos devolver a quem é de direito, aos municípios. Os únicos entes da federação que eu conheço. Eu não conheço Rondônia, nem Brasil, eu conheço Ji-Paraná, Presidente Médici, Ouro Preto do Oeste, Alvorada do Oeste, Urupá, conheço municípios, é ali que os impostos são pagos. Cada deputado receberá uma parcela dessa economia para investir e priorizar as demandas da sua região. Porque aqui, a voz do povo tem poder e nós queremos mantê-los com esse poder”, afirmou Laerte Gomes.

O presidente agradeceu o governador Marcos Rocha pelo compromisso feito durante a sessão itinerante ao confirmar a retomada e conclusão das obras de saneamento básico de Ji-Paraná.

“Vossa excelência nos tranquiliza quando diz aqui na frente do nosso povo que o projeto de saneamento básico da nossa cidade será concluído e que não perderemos o recurso destinado para essa obra. E eu acredito nisso, assim como, sabemos o quanto isso é importante para a saúde da nossa população. Fui prefeito de Alvorada do Oeste e essa foi uma das nossas prioridades. Hoje o município conta com 100% de saneamento básico”, lembrou Laerte.

Ao concluir seu pronunciamento, o presidente parabenizou a organização da Rondônia Rural Show e ressaltou a necessidade de asfaltamento nas ruas do Centro Tecnológico Vandeci Rack.

“Não podemos deixar nossos visitantes em meio a tanta poeira. O asfalto nas ruas do parque é de extrema necessidade. Já conversei com alguns expositores que concordam com isso e esperamos contar com o apoio do Governo também. No mais, agradeço a presença de todos e desejo sucesso a todos os nossos empreendedores e produtores que fazem desta feira uma grande festa do fomento ao agronegócio rondoniense”, concluiu o presidente da Assembleia Legislativa.

Fonte: decom/Ale-RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias