Sexta-Feira, 30 de Agosto de 2019 - 10:37 (Tecnologia)

L
LIVRE

I FÓRUM DE CIDADES DIGITAIS DE RONDÔNIA REÚNE 20 MUNICÍPIOS EM PORTO VELHO

Evento traz soluções para modernização das Prefeituras e reconhece os Projetos Inovadores do Estado


Imprimir página

Prefeitos e gestores de 20 municípios de Rondônia participaram nesta quinta-feira (29) do I Fórum de Cidades Digitais do Estado, em Porto Velho, promovido pela Rede Cidade Digital (RCD) em parceria com o Consórcio Público Intermunicipal de Rondônia (CIMCERO) e Consórcio Intermunicipal de Saneamento Básico, apoiado ainda pela Associação Rondoniense de Municípios (AROM). Em comum, a necessidade de melhorar as estruturas municipais, colocando Rondônia na rota da inovação. "Nada melhor que a gente iniciar esse crescimento de Rondônia já pensando em um planejamento estratégico buscando sempre a inovação e a tecnologia visando eficiência", frisou a prefeita de São Francisco do Guaporé e presidente do CIMCERO, Gislaine Clemente, a Lebrinha.

Tornar Rondônia um Estado Digital é uma das metas do governo, conforme lembrou durante a abertura, o superintendente do Estado Para Resultados, Delner Freire. Além da informatização da Vigilância Sanitária através do VISAON, sistema apresentado aos gestores nesta quinta e previsto para ser lançado em setembro, Freire destaca a preocupação do governo estadual em facilitar o acesso eletrônico aos serviços públicos. 

Em termos de conectividade, segundo o superintendente, há um estudo em andamento para estender a infovia de Rondônia, que atualmente interliga em torno de 250 unidades, aos 52 municípios do Estado. "O Estado Digital, no qual pretendemos transformar Rondônia, está dentro da ideia da indústria 4.0, da administração 3.0, das smartcities e de poder atender realmente o que todos nós precisamos", observa ele.

A chamada indústria 4.0, aliás, exigirá dos governos municipais, também, políticas públicas visando preparar a população para as profissões do futuro, conforme reforçou o gerente de Desenvolvimento de Software do Governo do Estado, Maico Moreira da Silva. "Algumas tecnologias estão surgindo para facilitar as nossas vidas".

Em termos de modernização, Cerejeiras é um dos municípios que investe em tecnologia no Estado, com destaque para um novo sistema de iluminação pública e colocação de lâmpadas LED, que de acordo com o secretário municipal de Fazenda e Contador, Valdir Carlos da Silva, impactará em economia aos cofres públicos. "É uma redução muito boa para a nossa sociedade, vai dar impacto direto nas nossas receitas, diminuindo o valor que é pago sobre essa iluminação", analisou o secretário, destacando também outra inovação em andamento: a implantação de um aplicativo para receber as demandas do cidadão. "É facilitar ao nosso cidadão interagir diretamente com a gestão".

Projetos Inovadores – Cerejeiras e outros seis municípios receberam o título de Projeto Inovador, por iniciativas tecnológicas em andamento nas cidades. O diretor da RCD, José Marinho, também frisou a importância do uso de tecnologia nos municípios. "Tecnologia deve ser vista como estratégica e imprescindível para melhorar todos os setores da administração pública. E o que tratamos aqui foram de ferramentas próximas da realidade das cidades".

Projeto Inovador 2019 – Rondônia

Alto Paraíso – Sistema de Controle de Gastos

Ariquemes – Prefeitura Digital

Buritis – Utilização de Tablets para agentes comunitários

Campo Novo de Rondônia – Educar com Tecnologia

Cerejeiras – App de Serviços e Soluções

São Francisco do Guaporé – Informatização dos Serviços Públicos

Rolim de Moura – Sistema Online para Licenciamento Ambiental

O I Fórum de Cidades Digitais do Estado de Rondônia teve o patrocínio ouro da GOVBR, Eagle Soluções, AJUCEL e SBTEC, bronze da VIASAT, além do apoio da Associação Brasileira de Empresas de Soluções de Telecomunicações e Informática (ABEPREST), Canal Gerência Pública e do Hotel Slaviero Essential Porto Velho.

Fonte: 015 - Assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias