Sexta-Feira, 23 de Agosto de 2019 - 10:39 (Meio Ambiente e Ecologia)

L
LIVRE

GOVERNO VAI CONTRATAR BRIGADAS FEDERAIS PARA CONTER INCÊNDIOS

A autorização do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis foi publicada no Diário Oficial desta sexta-feira


Imprimir página

O governo autorizou a contratação de brigadas federais para o combate aos incêndios florestais no país. A medida foi autorizada pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (23/08/2019).

Os grupos a serem contratados para conter as chamas vão atuar em 16 estados brasileiros, entre eles Acre, Amazonas e Distrito Federal, de acordo com a Portaria nº 3.020.

O país vive em 2019 a maior onde de incêndios florestais dos últimos cinco anos. Os dados são do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). Segundo os registros do órgão, até agora, foram registrados 71.497 focos de queimadas.

A região Norte tem sido bastante castigada com os incêndios florestais. O governo do Acre declarou estado de alerta ambiental e do Amazonas, situação de emergência na região sul e na zona metropolitana de Manaus.

ONGs

Para justificar os incêndios na Amazônia, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou, nesta semana, que as Organizações Não-Governamentais (ONGs) são as principais suspeitas de atear fogo na floresta. A ação teria sido uma forma de atingir o governo, que acabou com o repasse de verbas para as entidades.

Os incêndios no Brasil têm chamado a atenção do mundo todo. Na Organização das Nações Unidas (ONU), o secretário-geral, António Guterres, e a presidente da Assembleia Gera, María Fernanda Espinosa, demonstraram preocupação com a situação da floresta brasileira.

O presidente da França, Emmanuel Macron, também afirmou que a cúpula do G7 — Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido, as maiores economias do planeta — vai se reunir nesta fim de semana para discutir os incêndios.

Fonte: 015 - Metrópoles

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias