Sexta-Feira, 15 de Março de 2019 - 09:19 (Saude)

L
LIVRE

GOVERNO DE RONDÔNIA COMEÇA A REPASSAR VERBA DE CUSTEIO DO SAMU PARA CIDADES DO VALE DO JAMARI E PORTO VELHO

Os valores não eram repassados desde a implantação do Samu no Estado, em 2012.


Imprimir página

A nova gestão da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) começou pagar a parte do Estado de Rondônia relativo ao custeio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para a cinco municípios do Vale do Jamari e Porto Velho. Os valores não eram repassados desde a implantação do Samu no Estado, em 2012.

Dados do setor de estatísticas da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) apontam que cerca de R$ 20 milhões deixaram de ser pagos pelos governos anteriores, nos últimos seis anos.

De acordo com o secretário da Sesau, Fernando Máximo, o reforço no caixa dos municípios no custeio do Samu faz parte da estratégia adotada pelo governo Marcos Rocha para elevar a qualidade do atendimento no setor de Saúde e, ao mesmo tempo, melhorar os índices da atenção básica e média complexidade em cidades do interior, o que também tem sido feito através do Programa de Planificação da Saúde.

O QUE É O SAMU

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192) é um serviço de atendimento médico brasileiro, utilizado em casos de emergência. Foi idealizado na França, em 1986 como Service d’Aide Médicale d’Urgence — que faz uso da mesma sigla “SAMU” — e é considerado por especialistas como o melhor do mundo.

Fonte: 015 - Secom - Governo de Rondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias