Domingo, 16 de Fevereiro de 2020 - 08:55 (Polícia)

10
Não recomendado para menores de 10 anos

FILHO DE ADVOGADO DA CAPITAL FOGE DA POLÍCIA DURANTE PERSEGUIÇÃO DIGNA DE HOLLYWOOD

Durante o acompanhamento, o motorista parou o veículos e os policiais desembarcaram mantendo a verbalização com o suspeito.


Imprimir página

Um jovem de 20 anos, filho de um advogado causou mobilização de várias guarnições da Polícia Militar durante uma perseguição ao jovem motorista que desobedeceu a ordem executada de parada dada pelos policiais e empreendeu fuga em uma caminhonete Land Rover no final da noite de sábado (15), praticando direção perigosa e passando em roleta russa por várias avenidas preferenciais e passando no sinal vermelho dos semáforos na região central de Porto Velho.

De acordo com informações que consta no boletim de ocorrência, os policiais foram comunicados por um militar do exército dando conta que o veículo Land Rover estaria em cima da calçada atrapalhando a movimentação do hotel de trânsito do exército. Os policiais chegaram e como não havia ninguém no veículo foi feito um auto de infração e logo depois apareceu o jovem motorista e entrou no carro, os policiais encostaram e pediram para que ele descesse e mostrasse os documentos e habilitação, porém, tal ordem foi negada e este começou acelerar o veículo dando marcha ré para sair, os policiais entraram na frente e o motorista imprudente acelerou jogando para cima dos militares que por sorte não foram atropelados e saiu em fuga sendo feito acompanhamento pelos policiais.

Durante o acompanhamento, o motorista parou o veículos e os policiais desembarcaram mantendo a verbalização com o suspeito que negou a descer e quando ligou o carro um Cabo da Polícia atirou contra o pneu do veículo, porém, mesmo com o pneu furado o suspeito saiu em alta velocidade, momento que os policiais o perderam de vista e repassaram as informações para o CIOP, no entanto minutos depois os policiais receberam uma denúncia dando conta que uma caminhonete quase causa um acidente e que ela teria entrado em uma casa onde funciona uma escritório de advocacia.

Os militares se deslocaram para o local e avistaram o veículo estacionado dentro de uma garagem e era o mesmo carro que estava em fuga, enquanto os policiais estavam na frente da casa o pai do suspeito chegou e se apresentou como advogado e pai do jovem e não autorizou a saída de seu filho para falar com os policiais. Toda ação da fuga foi gravada pelas câmeras individual que os policiais carregam no peito.

Fonte: News Rondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias