Quarta-Feira, 20 de Fevereiro de 2019 - 08:46 (Entretenimento)

L
LIVRE

FAMILIARES DE JAMES BROWN QUEREM NOVA INVESTIGAÇÃO SOBRE MORTE DO CANTOR

Canal CNN levantou a hipótese, em uma série de reportagens, de que o músico tenha sido assassinado. James Brown, que morreu em 2006, durante show em São Paulo, em 1988.


Imprimir página

Passada mais que uma década da morte de James Brown por causas naturais, onze pessoas pediram uma nova investigação policial sobre o óbito, incluindo LaRhonda Pettit, uma das filhas da lenda do soul, segundo a CNN. Em uma série de reportagens, o canal também levantou a hipótese de que o cantor tenha sido assassinado. A rede de televisão entrevistou cerca de 140 pessoas, incluindo o médico legista Marvin Crawford, que assinou o atestado da morte do cantor, por parada cardíaca na manhã de Natal de 2006, quando Brown tinha 73 anos.

O médico declarou que estranhou na época a rápida deterioração do cadáver do músico, e que nunca acreditou que o paciente morrera de causas naturais. Ele contou ainda que nas horas que se seguiram à morte de Brown, recomendou uma autópsia. Mas Yamma Brown, outra filha, desautorizou o procedimento. Questionada sobre essa decisão pela CNN, ela não ofereceu uma explicação. A apuração também recuperou testes forenses e mensagens de texto para sustentar a série jornalística, que, de tão longa, foi dividida em três episódios e intitulada The Circus Singer and the Gothfather of Soul

Fonte: 013 - Veja

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias