Sexta-Feira, 06 de Dezembro de 2019 - 17:14 (Geral)

L
LIVRE

DESEMBARGADOR HIRAM MARQUES É HOMENAGEADO COM APOSIÇÃO DE FOTO EM GALERIA DE EX-CORREGEDORES

A Central de Processos Eletrônicos (CPE), o Juizado 120 dias e o sistema Eolis foram parte da contribuição do magistrado ao Poder Judiciário rondoniense.


Imprimir página

O desembargador Hiram de Souza Marques foi homenageado na manhã desta quinta-feira (5) com a aposição de uma foto na galeria dos ex-corregedores, localizada no hall de entrada da Corregedoria-Geral da Justiça de Rondônia (CGJ). Hiram foi corregedor durante o biênio 2016/2017. A Central de Processos Eletrônicos (CPE), o Juizado 120 dias e o sistema Eolis foram parte da contribuição do magistrado ao Poder Judiciário rondoniense.

A cerimônia contou com a presença de todos os desembargadores do Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO). Em discurso, o corregedor José Jorge Ribeiro da Luz, falou sobre a importância do legado de Hiram para a Corregedoria.

"O desembargador Hiram representou o marco inicial da reestruturação da corregedoria. Toda homenagem lhe é devida e merecida e a aposição da fotografia nesta galeria coroa o trabalho que ele fez durante o biênio 2016/2017. Parabenizo tanto o desembargador, quanto a Corregedoria, que a teve como corregedor", discursou.

Hiram Marques foi um dos responsáveis pela instalação da Central de Processos Eletrônicos (CPE), um dos projetos que alavancou a produtividade da Justiça de Rondônia. "O contato mais próximo com a 1ª instância nos fez termos iniciativas que pudessem melhorar a qualidade dos nossos serviços e a produtividade tão exigida pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). A CPE foi uma ideia de junção dos cartórios e o tempo mostrou que foi uma iniciativa muito propícia", comentou.

Ele também ressaltou o período de intensa convivência com magistrados e servidores da Corregedoria e que, apesar dos desafios, considerou a aposição da fotografia uma forma simbólica de sua contribuição para a Justiça de Rondônia. "Desejo ao próximo corregedor, desembargador Valdeci Castellar Citon, que receba o mesmo apoio que eu recebi do TJRO e que ele escreva mais uma bela página na história da Justiça de Rondônia", declarou.

Hiram Marques é graduado em Direito pelo Centro de Estudo Superior do Estado do Pará, desde 1983. Pós-Graduado em Metodologia do Ensino Superior pela Fundação Universidade Federal de Rondônia e em Direito e Gestão dos Serviços Sociais pelo Instituto Brasiliense de Direito Público. É desembargador do Tribunal de Justiça de Rondônia (TJRO) desde 2014 por indicação do 5º Constitucional. Atualmente é membro da 2ª Câmara Especial.

Fonte: 010 - assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias