Quarta-Feira, 28 de Novembro de 2018 - 08:42 (Vagas de Emprego)

L
LIVRE

CONCURSO PRF 2018/2019: 500 VAGAS PARA TODO O BRASIL! RONDÔNIA TEM 15 VAGAS

Concurso para 500 vagas no cargo de Policial Rodoviário Federal tem seu edital publicado pela CEBRASPE. Remuneração de R$ 9.473,57.


Imprimir página

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) publicou o edital nº 1/2018 que irá preencher 500 vagas para Policial Rodoviário Federal, Padrão I da Terceira Classe. As oportunidades são para todo o país. O concurso PRF 2018/2019 será realizado pela CESPE / Cebraspe.

São 500 vagas distribuídas em todo o Brasil, sendo 367 vagas de ampla concorrência, 100 vagas para candidatos negros e 33 vagas para candidatos com deficiência.

O Policial Rodoviário é responsável por realizar atividades de natureza policial envolvendo fiscalização, patrulhamento e policiamento ostensivo, atendimento e socorro às vítimas de acidentes rodoviários e demais atribuições relacionadas com a área operacional da Polícia Rodoviária Federal.

O subsídio inicial da carreira é de R$ 9.473,57 mensais, para cumprimento de 40 horas semanais.

Inscrições

As inscrições serão realizadas somente no mês de dezembro de 2018, a partir das 10 horas do dia 03 até às 18 horas do dia 18, apenas via internet, através do endereço eletrônico http://www.cespe.unb.br/concursos/prf_18.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 150,00.

Poderão solicitar a isenção da taxa de inscrição os candidatos membros de família de baixa renda, de acordo com a legislação vigente, desde que inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e os doadores de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde.

Requisitos do cargo

Para concorrer ao cargo de Policial Rodoviário Federal é necessário possuir graduação de nível superior em qualquer área de formação e CNH na categoria B.

Além dessas exigências, há as seguintes: ser aprovado em todas as fases; ter nacionalidade brasileira ou portuguesa (amparado pela legislação federal); estar em gozo dos direitos políticos; estar quite com as obrigações militares para os candidatos do sexo masculino; estar quite com as obrigações eleitorais; idade mínima de 18 anos; aptidão física e mental.

Provas

De acordo com o Método Cespe, o concurso PRF será composto pelas seguintes fases:

Prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório;

Prova discursiva, de caráter eliminatório e classificatório;

Exame de capacidade física, de caráter eliminatório;

Avaliação de saúde, de caráter eliminatório;

Avaliação psicológica, de caráter eliminatório;

Avaliação de títulos, de caráter classificatório;

Investigação social, de caráter eliminatório;

Curso de formação profissional (CFP).

As provas objetivas e discursivas serão realizadas na data provável de 03 de fevereiro de 2019, no turno da tarde e terão duração máxima de 4 horas e 30 minutos. Os gabaritos oficiais preliminares sairão a partir das 19 horas do dia seguinte ao da aplicação.

A prova objetiva será composta por 120 questões e valerá 120 pontos. O candidato deverá marcar CERTO ou ERRADO para cada questão. As questões serão divididas em três blocos e o candidato receberá um ponto positivo para cada resposta correta, um ponto negativo para cada resposta incorreta e zero ponto para as questões sem marcação ou com marcação dupla.

Bloco I: Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico-matemático, Informática, Noções de Física, Ética no Serviço Público, Geopolítica Brasileira e História da PRF;

Bloco II: Legislação de Trânsito;

Bloco III: Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Penal e de Direito Processual Penal, Legislação Especial e Direitos Humanos e Cidadania.

Será reprovado na prova objetiva o candidato que:

Obtiver nota inferior a 10 pontos no bloco I da prova objetiva;

Obtiver nota inferior a 12 pontos no bloco II da prova objetiva;

Obtiver nota inferior a 6 pontos no bloco III da prova objetiva;

Obtiver nota inferior a 48 pontos no conjunto dos três blocos da prova objetiva.

A prova discursiva valerá 20 pontos e será composta por uma redação de texto dissertativo de até 30 linhas. Nesta etapa serão avaliados os seguintes quesitos:

Apresentação;

Estruturas textuais;

Desenvolvimento do tema;

Domínio da modalidade escrita: grafia, morfossintaxe, propriedade vocabular e pontuação.

Os candidatos que obtiverem a nota mínima de 10 pontos na prova discursiva estarão aprovados e serão convocados para realizar o exame de capacidade física. Este exame será composto pelas seguintes etapas:

Teste de flexão em barra fixa;

Teste de impulsão horizontal;Teste de flexão abdominal;

Teste de corrida de 12 minutos.

A prova de títulos valerá até 5 pontos. O Curso de Formação Profissional ocorrerá, preferencialmente, na Academia Nacional da Polícia Rodoviária Federal (ANPRF) - SC, ou em outro local determinado pela PRF.

O curso valerá 10 pontos e o candidato que não obtiver, no mínimo, 6 pontos em cada avaliação e 7 pontos na média geral das disciplinas do CFP, ou que não obtiver frequência integral no curso, será considerado reprovado.

Validade

O prazo de validade do concurso PRF 2018/2019 se esgotará após 30 dias, contados a partir da data de publicação da homologação do resultado final do curso de formação profissional, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período.

Edital

Para mais informações sobre o concurso, consulte o edital publicado na página 110, seção 3 da edição de 28 de novembro de 2018 do Diário Oficial da União. O edital será publicado também no site da  CESPE.

Último concurso PRF

O último concurso PRF, específico para a carreira de Policial Rodoviário Federal, aconteceu em 2013 e também foi realizado pela CESPE / Cebraspe.

A oferta foi de 1.000 vagas (50 delas reservadas às pessoas com deficiência) para a mesma carreira de Policial Rodoviário Federal. Na época, o subsídio inicial foi de R$ 6.106,81 para 40 horas de jornada semanal.

Fonte: 010 - concursosnobrasil

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias