Segunda-Feira, 20 de Abril de 2020 - 08:44 (Geral)

L
LIVRE

CESTAS BÁSICAS COMEÇAM A SER DISTRIBUÍDAS NA CAPITAL

Na ocasião cada família precisou preencher um formulário, apresentar documentação pessoal para identificação e assinar o termo de recebimento.


Imprimir página

A campanha "SOS.RO: Juntos somos mais fortes!" iniciou, na última quarta-feira (15), a entrega das cestas básicas arrecadadas para as famílias afetadas pelo desemprego em decorrência do isolamento social causado pelo COVID-19 (coronavírus) e em estado de vulnerabilidade a doença. O primeiro local a ser entregue foi na Igreja Adventista do Sétimo Dia do Conjunto Buritis, no bairro Escola de Polícia na Zona Leste de Porto Velho, o lugar foi escolhido como ponto de entrega pelas entidades parceiras da campanha.

Na ocasião cada família precisou preencher um formulário, apresentar documentação pessoal para identificação e assinar o termo de recebimento. A Polícia Militar do Estado de Rondônia tem participado das ações de entrega para evitar com que seja formada aglomeração de pessoas nos espaços de distribuição das cestas básicas.

A campanha "SOS.RO: Juntos somos mais fortes!" arrecadou até o momento o montante aproximado de R$100.000 (cem mil reais), mais de quatro mil cestas básicas e dezessete toneladas de alimentos. Ainda há a expectativa de arrecadação de mais quarenta toneladas e dez mil máscaras a serem doadas por fornecedores parceiros da ação. A sede da Associação dos Membros do Ministério Público (AMPRO), localizada na Rua Itália, 2263, Ipase Novo e o SESC Esplanada situado na Avenida Presidente Dutra, 4175, Olaria, são os pontos de entrega dos alimentos. Outro meio de contribuir com a ação é em pecúnia, através do depósito bancário conta: ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO ESTADO DE RONDÔNIA – AMERON, CNPJ: 04.917.407/0001-39, Banco Sicoob (756), Agência: 3325, Conta Corrente: 61.580-3.

Nos próximos dias, outras comunidades periféricas vão receber o caminhão com mais cestas básicas arrecadadas durante a campanha que deve se estender por pelo menos três meses. Além da capital, os municípios localizados no interior do Estado também deverão receber a equipe de voluntários para a distribuição de alimentos, kits de higiene pessoal e de proteção ao COVID-19.

Tem direito a ser contemplado pela ação, preferencialmente, as pessoas que não recebem outros benefícios, auxílios ou participam de programas de transferência de renda; famílias que não estão inseridas em programas de transferência de renda e que cujo(s) provedor(es) atuava(m) no mercado informal antes da pandemia; famílias onde o(s) provedor(es) perdeu(ram) o emprego durante a pandemia e que não tenha(m) direito ao seguro desemprego; famílias com gestantes, nutrizes (mães que amamentam), crianças e adolescentes de 0 a 17 anos e que sofreram diminuição brusca de renda devido ao trabalho informal ou autônomo, afetados pela pandemia; famílias onde um de seus membros necessitam de atenção especial em função de alguma patologia e sofreram diminuição abrupta da renda; famílias que estão em situação de risco social e/ou com seus direitos violados, preferencialmente se houver agravo na situação de violência em decorrência da pandemia.

Para requerer o benefício, por meio da campanha, basta solicitar a ajuda no site onde há mais informações detalhadas sobre a campanha.

A campanha "SOS.RO: Juntos somos mais fortes!" tem o apoio da Associação dos Magistrados do Estado de Rondônia (Ameron), Associação dos Membros do Ministério Público de Rondônia (AMPRO), Associação dos Membros da Defensoria Pública de Rondônia (AMDEPRO), Ministério Público de Contas, Tribunal de Contas do Estado de Rondônia, Associação dos Procuradores do Estado de Rondônia, Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (FIERO), Federação do Comércio de Rondônia (Fecomércio-RO), Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Rondônia (OAB-RO), Sindicato dos Profissionais de Controle Externo do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (Sindicontrole), Sindicato dos Servidores do Judiciário de Rondônia (Sinjur),  Sindicato dos Auditores Fiscais de Tributos Estaduais do Estado de Rondônia (Sindafisco), Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 14ª Região (Amatra-14), Sindicato dos Servidores do Ministério Público do Estado de Rondônia (Simsempro), Sindicato dos Técnicos Tributários de Rondônia (Sintec-RO), Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de Rondônia (Sindepro), Sindicato dos Servidores da Polícia Civil de Rondônia (Sinsepol), Sindicato dos Trabalhadores em Educação (Sintero), Instituto de Ação Empresarial de Rondônia (IAE-RO), Federação da Agricultura e Pecuária de Rondônia (FAPERON), Organização das Cooperativas Brasileiras do Estado de Rondônia (OCB/RO), Mesa Brasil Rondônia, Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais de Rondônia (ADRA/RO), Associação Comercial e Industrial de Ji-Paraná (ACIJIP), Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Rondônia (Abrasel Rondônia), Prefeitura de Porto Velho, Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Rondônia, a Justiça Federal Seção Judiciária de Rondônia;  as empresas Sirrus, Café com Palavra, O Boticário, Soma Comunicação e Engecom; e ainda os oficiais de justiça de Rondônia.

Fonte: 015 - Assessoria

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias