Sexta-Feira, 13 de Setembro de 2019 - 09:04 (Polícia)

L
LIVRE

CASO ALINE: MARIDO DA JOVEM ‘LEVA BRONCA’ AO VIVO DE BACCI E FICA SEM PALAVRAS

Logo no começo, João comentou que tinha ouvido de algumas pessoas que Bacci havia criticado o seu jeito de se expressar. “Aqui é periferia, é favela”, disse, enquanto Bacci perguntava se ele estava ouvindo.


Imprimir página

João Vitor de Almeida é marido de Aline Dantas, a jovem de 19 anos que saiu de casa para comprar fraldas e foi encontrada morta três dias depois, em Alumínio, cidade do interior de São Paulo.

Aline desapareceu no domingo (8) e o corpo foi encontrado na quarta-feira (11). Um dia antes, o marido dela deu entrevista ao vivo ao Cidade Alerta, da Record TV.

Depois de conversar alguns minutos com o repórter do programa, João Vitor colocou uma escuta e falou diretamente com o apresentador da edição de São Paulo do jornalístico, Luiz Bacci.

Logo no começo, João comentou que tinha ouvido de algumas pessoas que Bacci havia criticado o seu jeito de se expressar. “Aqui é periferia, é favela”, disse, enquanto Bacci perguntava se ele estava ouvindo.

Bacci começa explicando que como João não ouviu o que ele tinha falado era preciso tomar cuidado com “telefone sem fio” – aquela brincadeira em grupo em que a primeira pessoa passa uma informação para a pessoa seguinte e a informação chega deturpada no último participante.

“Toma cuidado, não se baseie pelo que disseram que eu falei de você”, comentou o jornalista repreendendo de maneira amigável. João Vitor ficou em silêncio ouvindo a explicação do jornalista. Em seguida, Bacci elogiou o posicionamento do marido de Aline, que alegou não ter ido ao local do crime para não atrapalhar os cães farejadores.

Logo depois, Bacci fez João Vitor entender que as críticas ao fato de ele não participar das buscas faziam sentido. Segundo o jornalista, as pessoas queriam vê-lo ao lado do sogro e da família de Aline procurando pela jovem. A esta altura ainda não havia confirmação da morte dela.

Fonte: 015 - 1News

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias