Quinta-Feira, 19 de Setembro de 2019 - 15:12 (Agricultura)

L
LIVRE

CAFEICULTURA - EM RONDÔNIA, FLORADA DO CAFÉ INDICA QUE OS FRUTOS ESTÃO PRESTES A SURGIR

No município já são 97 famílias beneficiadas, tendo o café clonal como projeto produtivo e culturas para subsistência familiar, como o urucum, mandioca, inhame, feijão, pimenta do reino, limão e abacaxi.


Imprimir página

Através do Programa Nacional de Crédito Fundiário (PNCF), as propriedades rurais do município de Nova Brasilândia do Oeste, interior de Rondônia, estão coloridas com a florada do café clonal, o que significa que os frutos estão prestes a surgir.

Nova Brasilândia possuiu cerca de 153 hectares de área plantada com o café conilon, esse total é apenas referente ao PNCF. De acordo com coordenadora de Unidade Técnica Estadual da Secretária de Estado da Agricultura (Seagri), Fabiana Back Locks, a expectativa é que essas áreas aumentem com o decorrer dos anos, tendo em vista o bom andamento do programa.

No município já são 97 famílias beneficiadas, tendo o café clonal como projeto produtivo e culturas para subsistência familiar, como o urucum, mandioca, inhame, feijão, pimenta do reino, limão e abacaxi.

O secretário Estadual de Agricultura de Rondônia, Evandro César Padovani, disse que a Seagri recentemente entregou para os municípios equipamentos que ajudam os produtores rurais na produção, como: tratores, grades aradoras, carretas agrícolas, pá carregadeira, entre outros equipamentos adquiridos através de um termo de compromisso entre a Secretaria de Agricultura e o Ministério da Defesa, com novas tecnologias avançadas, agiliza e facilita o trabalho dos agricultores.

Com a chegada das chuvas, os frutos do café brotam sem precisar de irrigação, melhora o desenvolvimento e a qualidade. 93% do nosso café é comercializado em outros estados, marcas conhecidas como 3 Corações, Pilão e Melita levam o produto aqui de Rondônia. “Os cafeicultores ganham e o Estado se destaca nesse setor produtivo”, disse Evandro Padovani.

COLHEITA DO CAFÉ

Os cafeicultores tem dia certo para o início da colheita dos grãos: 10 de abril, data instituída no calendário oficial do Estado como o Dia do início da colheita do café conilon, através da Lei 3.516 de 2015.

O objetivo da data simbólica é elevar a qualidade do café de Rondônia e incentivar os produtores rurais a colher o café maduro, elevando assim a qualidade do produto, o que geraria um lucro significativo.

Fonte: 010 - SECOM-GOV/RO

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias