Terça-Feira, 27 de Agosto de 2019 - 10:04 (Curiosidades)

L
LIVRE

BEBÊ NASCEU COM DIU PRESO NO CABELO E FOTO VIRALIZA NAS REDES SOCIAIS

A imagem chocante está repercutindo no mundo inteiro. A foto mostra um recém-nascido com um DIU (Dispositivo Intra-Uterino) preso em seu cabelo.


Imprimir página

Uma imagem impressionante viralizou nas redes sociais e deu o que falar. A imagem chocante está repercutindo no mundo inteiro. A foto mostra um recém-nascido com um DIU (Dispositivo Intra-Uterino) preso em seu cabelo. O clique teria sido feito logo que a criança nasceu.

A fotografia foi compartilhada por uma página materna chamada Maternidade Saludable. O post foi feito neste último domingo, 25 de agosto, e em menos de 24 horas, a publicação atingiu milhares de comentários, sendo compartilhada aproximadamente 100 mil vezes.

O clique despertou a curiosidade dos internautas, mas também acabou levantando um debate sobre a eficiência do dispositivo. A verdade é que o DIU é considerado um dos métodos contraceptivos mais seguros, tendo a eficácia comprovada em cerca de 99%. Casos em que as mulheres engravidam usando o dispositivo são raros, mas podem acontecer.

A obstetra Thelma Figueiredo explicou que qualquer método contraceptivo pode falhar, ou seja, nenhum é 100% seguro. A obstetra ressaltou que a criança nascer com o DIU no cabelo foi apenas uma coincidência e que o dispositivo não oferece nenhum tipo de risco ao recém-nascido. Para quem não sabe, o DIU é uma haste pequena que tem forma de um T.

Ele é colocado dentro do útero da paciente através de um procedimento simples que é realizado dentro do consultório médico. Ele age liberando substâncias que deixam o ambiente inapropriado para o sêmen, dessa maneira impede que ocorra a fecundação.

A mulher pode usar o dispositivo entre cinco a dez anos. Mas, caso tenha interesse, nada impede que ele seja retirado quando a paciente achar conveniente. Algum tempo atrás, uma imagem de um bebê segurando um DIU viralizou nas redes sociais. Muitas pessoas chegaram a acreditar que o pequeno realmente havia nascido segurando o dispositivo. No entanto, depois ficou esclarecido que tudo era apenas uma brincadeira.

Fonte: 1news.com.br

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias