Sabado, 18 de Janeiro de 2020 - 10:33 (Polícia)

12
Não recomendado para menores de 12 anos

AVIÃO AGRÍCOLA CAI E MATA EMPRESÁRIO EM MATO GROSSO

Sidney Gianini Junior, de 23 anos, havia acabado de pulverizar uma lavoura


Imprimir página

VITÓRIA GOMES

O piloto Sidney Gianini Junior, de 23 anos, morreu na tarde desta sexta-feira (17) após sua aeronave cair na Fazenda Pontal, na zona rural de Guiratinga  (332 km ao Sul de Cuiabá).

Júnior é filho do empresário Sidney Gianini, proprietário da Aliança Aviação Agrícola, com sede em Primavera do Leste.

Segundo informações da Polícia Militar, Junior pilotava o avião agrícola para pulverizar a lavoura de soja com pesticida.

Ao terminar seu trabalho, por volta das 15 horas, ele decidiu pousar seu avião e ajudar outros colegas, no entanto a pista estava cheia e não suportava outra aeronave.

Então o piloto ficou sobrevoando a área aguardando a liberação da pista, mas caiu ao fazer uma manobra.

Uma ambulância foi acionada, mas o médico constatou a morte de Junior ainda no local.

Junior morava em Primavera do Leste (a 242 km de Cuiabá), mas estava na região a trabalho.

O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Rondonópolis (a 219 km de Cuiabá), onde passou por exame de necropsia.

Comoção

Nas redes sociais diversas pessoas comentaram em publicações lamentando a morte do jovem piloto. 

Por ser de uma família relacionada à aviação, Junior Gianini tinha bastante experiência na área.

Em um dos comentários, uma pessoa disse: “Acidente na fazenda noticia triste. O piloto tinha 23 anos Junior Gianini acabou morrendo, somente Deus para confortar esta família no momento”.

.

Fonte: midianews

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias