Terça-Feira, 21 de Junho de 2016 - 17:30 (Colaboradores)

L
LIVRE

APRENDA A CALCULAR ADICIONAL NOTURNO - POR HASSAN SAID

Tem direito a um acréscimo na sua remuneração, entendida como adicional noturno, as pessoas que trabalham em atividades urbanas, entre 22h de um dia e 5h do dia seguinte.


Imprimir página

O artigo 7, inciso IX da Constituição Federal e o artigo 73 da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) descrevem que o adicional noturno consiste em garantia legal a todos os trabalhadores brasileiros maiores de 18 anos.

Tem direito a um acréscimo na sua remuneração, entendida como adicional noturno, as pessoas que trabalham em atividades urbanas, entre 22h de um dia e 5h do dia seguinte. Nas atividades rurais, é considerado trabalho noturno o que é executado na lavoura entre 21h de um dia até 5h do dia seguinte.

Duração da hora para o trabalhador urbano,a hora noturna tem a duração normal de 52 minutos e 30 segundos. Para o trabalhador rural, a hora tem duração normal da diurna, ou seja, 60 minutos.

Para o trabalhador urbano, o valor do adicional noturno é de pelo menos 20% sobre o valor da hora normal diurna. Para o trabalhador rural, o adicional norturno é de, pelo menos, 25% sobre o valor da hora normal diurna.

FÓRMULA FÁCIL DE CÁLCULO PARA ADICIONAL NOTURNO

Para saber o valor do adicional noturno, divida o Salário Base Mensal pelas Horas Contratuais, e depois multiplique o valor da Hora Normal pelo Percentual do Adicional Noturno (20%).

Exemplo: Salário base mensal: R$ 500,00. Horas contratuais de trabalho/mês: 220h.

Cálculo: R$ 500,00 ÷ 220h = 2,2727 (valor por hora diurna) x 20% = 0,45 (valor do adicional noturno)

Agora multiplique R$ 0,45 pela quantidade de horas noturnas trabalhadas no mês.

“Caso tenha trabalhado 180 horas noturnas multiplique por R$ 0,45 e veja que o adicional noturno deverá ser de R$ 81,00”.

Fonte: Hassan Said Hijazi

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias