Quinta-Feira, 23 de Maio de 2019 - 17:15 (Saude)

L
LIVRE

AMBULATÓRIO DO PALÁCIO RIO MADEIRA REALIZA MAIS DE 200 ATENDIMENTOS POR MÊS ENTRE TESTES DE GLICEMIA E AFERIÇÃO DE PRESSÃO ALTA

O ambulatório atende por mês mais de 200 servidores, com a aferição de pressão alta, glicemia entre outros atendimentos.


Imprimir página

O Governo de Rondônia preza pela qualidade de vida e a saúde do servidor, por isso, o Palácio Rio Madeira conta com um ambulatório localizado no edifício Rio Pacaás Novos, térreo. O ambulatório atende por mês mais de 200 servidores, com a aferição de pressão alta, glicemia entre outros atendimentos.

Maria Ivanizia começou a sentir sintomas como: boca seca, dormência nos dedos da mão, e foi no ambulatório que descobriu que tinha diabetes tipo 2 (doença crônica que afeta a forma como o corpo metaboliza a glicose, principal fonte de energia do corpo). A diabetes tipo 2 é comum em pessoas que possuem maus hábitos como alimentação irregular, sedentarismo, entre outros fatores. Se não diagnosticada a tempo, a doença pode ser fatal. No caso da Maria, o diagnóstico foi imediato.

“Esses dias eu passei mal e não sabia o que era, quando medi a glicose estava 344, e foi assim que descobri que tenho diabetes. Esse serviço, aqui, é muito bom para nós servidores”

A enfermeira Elsângela das Graças Aparecida é a responsável pelo atendimento no local. Segundo ela, as maiores ocorrências são de pressão alta, também ligadas a maus hábitos. “Nós já tivemos aqui muitos casos de emergência, onde conseguimos solucionar o problema e até salvar vidas. Casos em que o servidor já era hipertenso, ou descobriu aqui que possuía o problema”.

Cerca de 15 atendimentos são feitos diariamente e, em casos mais graves, o servidor é encaminhado a Policlínica Ana Adelaide para ser atendido por um médico. Para receber o atendimento no ambulatório é preciso apenas se dirigir ao edifício Rio Pacaás Novos, no térreo, com os documentos de identificação em mãos, para que seja realizada a ficha de cadastro. O servidor pode ainda ligar para o número: 3212-9724. “Nós também realizamos os primeiros socorros na secretaria ou setor que o servidor estiver. Basta apenas ligar para o ambulatório ao entrar em contato com a segurança responsável pelo monitoramento, e nós vamos até o servidor”, concluiu a enfermeira.

Fonte: 015 - Secom - Governo de Rondônia

Noticias relacionadas

Comentários

Veja também

Outras notícias + mais notícias