DERRAME DE CARTEIRINHAS FALSAS VOLTA A SER DENUNCIADO NA CAPITAL E INTERIOR

Para conter a ação dos grupos ilegais, o Departamento Jurídico da União Rondoniense de Estudantes [URES] e União Municipal de Estudantes [UMES], após se certificarem do ‘golpe’, ‘pretende dar um grande baque na ação dos criminosos’ junto ao Judiciário - com acompanhamento do Ministério Público.
Quinta-Feira, 09 de Março de 2017 - 10:59

Porto Velho, Rondônia – A emissão de carteiras de estudantes consideradas falsas no meio estudantil rondoniense ainda preocupa as entidades credenciadas para o Estado e região.

Além da Capital, o derrame das carteirinhas registra-se, com maior intensidade, no interior do Estado, entre Ariquemes [Vale do Jamari] e Ji-Paraná [Região Central], um dos maiores focos da ação de entidades que se dizem representantes do movimento estudantil secundarista, universitário e pré-profissionalizantes.

Para conter a ação dos grupos ilegais, o Departamento Jurídico da União Rondoniense de Estudantes [URES] e União Municipal de Estudantes [UMES], após se certificarem do ‘golpe’, ‘pretende dar um grande baque na ação dos criminosos’ junto ao Judiciário - com acompanhamento do Ministério Público.

FEIRA DE BAGDÁ – As duas entidades estão mapeando todos os pontos de emissão ilegal de carteirinhas de estudantes, na Capital e no interior. O objetivo é conter a ação dos ilegais, fazendo-se um Raio-X completa da situação que tantos prejuízos têm dado à classe estudantil rondoniense.

- Hoje, em qualquer lugar próximo a uma escola ou nas proximidades da sede do Sistema Integrado Municipal [SIM], há bancas ou balcões de pessoas emitindo carteirinhas, revela uma estudante pôr vezes já lesadas.

ONDE TIRAR – Oficialmente, a emissão das carteiras continua sendo feitas, diariamente, no prédio do ‘TUDO AQUI’ [antigo Shopping Cidadão], no horário comercial, logo à entrada do estabelecimento.

No interior, segundo a coordenação estadual e municipal da URES e UMES, respectivamente, os estudantes de Ariquemes já contam com os mesmos serviços [emissão das carteirinhas e validade da declaração escolar] prestados na Capital.

Em Ji-Paraná, a emissão das carteirinhas começará a partir do dia 15 dias, diariamente, no Guichê 3, do Shopping Center, localizado no Bairro Jotão. O atendimento a outras cidades da região será estendido a partir do segundo trimestre deste ano.

TUDO MAIS FÁCIL – Em face da luta que trava para que a classe estudantil tenha seus direitos reconhecidos, a contento, pelo poder público rondoniense - desde sua criação - a União Rondoniense de Estudantes Secundaristas [URES] obteve do Governo do Estado, através da SEDUC, ‘a autorização e liberação de acesso aos dados dos alunos para verificação quanto à regularidade da matrícula’.

A medida irá facilitar a vida dos estudantes, que antes eram obrigados a se deslocar às escolas a fim de obterem a declaração que iria comprovar se, realmente, estava matriculado na rede. Agora, a confirmação será feita ONLINE a partir do guichê da URES/UMES no ‘TUDO AQUI’ [Porto Velho]. Em Ariquemes o atendimento continua no Posto de Serviço Autorizado e em Ji-Paraná, no Shopping Center.

XICO NERY

Fonte - NewsRondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.