PREFEITO ADMITE MUDAR SEDE DA PREFEITURA PARA O PRÉDIO DO RELÓGIO, SE O GOVERNO DO ESTADO COLABORAR

O imóvel, segundo fontes do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional [IPHAN] pertence à União Federal e estaria sob a guarda do Estado ao menos três décadas. Contudo, a cessão ao Município pode ocorrer caso o Governo Estadual decida por não mais ocupá-lo, disseram.
Terça-Feira, 24 de Janeiro de 2017 - 11:52

Porto Velho, Rondônia – Afeito a novos desafios, o prefeito Hildon Chaves [PSDB] demonstrou, ainda, na coletiva à imprensa, na segunda-feira [23], que está decidido a mudar a sede da Prefeitura [Palácio Presidente Tancredo Neves] pelas instalações do prédio do Relógio, na área central desta Capital.

O imóvel, segundo fontes do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional [IPHAN] pertence à União Federal e estaria sob a guarda do Estado ao menos três décadas. 

Enquanto isso, o prefeito procurou o secretário-Chefe da Casa Civil do Governo do Estado, Emerson Castro, onde oficializou sua intenção de consolidar uma possível cedência do imóvel ao Município, onde passaria a despachar e acomodar vários departamentos e secretarias, oferecendo ao público melhor comodidade e eficiência nos serviços.

Por sua importância histórica – senão um dos mais bonitos cartões-postais da cidade -, o Prédio do Relógio ao menos 1,5 décadas não passa por reforma ou mínima revitalização em suas instalações. Atualmente, o imóvel apresentaria problemas gravíssimos no sistema de elétrico, hidráulico, higienização e limpeza.

Sobre, o prefeito e o presidente da Fundação Cultural [FUNCULTURAL], Hildon Chaves e Antônio Ocampo, respectivamente, inspecionaram cada ambiente do imóvel e dispuseram-se a lutar pela cessão ao Município, garantindo, inclusive, reformar e revitalizá-lo literalmente, evitando, com essa ação empreendedora, ‘um possível aumento das avarias, infiltrações e/ou depredação total do prédio’.

UM POUCO DA HISTÓRIA - Segundo pesquisa feita por esse site de noticias em parte do acervo disponível ao público, o Prédio do Relógio foi construído na década de 50 e dispõe de 1.500 metros quadrados de área, com uma linha de concepção arquitetônica criada por Armando Costa [Rio de Janeiro] que se inspirou em um modelo de locomotiva. Vai completar 67 anos de sua construção.

Construído para abrigar a sede administrativa da Estrada de Ferro Madeira Mamoré [EFMM] nos idos de 1950. Ao longo desse período, deu lugar a vários outros órgãos e departamentos de Governo, entre os quais, serviu de sede ao extinto Banco do Estado de Rondônia [BERON]. E também à Superintendência Estadual de Turismo [SETUR] e à antiga SECEL [Secretaria de Esporte e Lazer].

XICO NERY

Fonte - NewsRondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.