RONDÔNIA CONSEGUE APRESENTAR MELHORAS NA QUALIDADE DE VIDA DA POPULAÇÃO, DIZ ESTUDO DA ONU

Em 2011, Rondônia ficou com a nota geral de 0,687. Já em 2014, a nota do estado saltou para 0,715.
Quinta-Feira, 24 de Novembro de 2016 - 14:55

Rondônia conseguiu apresentar melhoras entre 2011 e 2014 na qualidade de vida da população. Foi o que concluiu um estudo elaborado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA) e a Fundação João Pinheiro, que analisaram o Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (Radar IDHM) das unidades da federação brasileira. O documento foi divulgado nessa terça-feira (22). 

Em 2011, Rondônia ficou com a nota geral de 0,687. Já em 2014, a nota do estado saltou para 0,715. Vale lembrar que quanto mais perto de 1, melhor o indicador. O IDHM mede indicadores de renda, educação e longevidade da população e é semelhante ao IDH, utilizado para comparar a qualidade de vida entre diferentes países.

Fazendo uma análise para as notas da região norte, Rondônia ganha apenas do Amazonas (0,709) que obteve a pior nota. Em primeiro lugar aparece o estado Amapá (0,747), Roraima (0,732), Tocantins (0,732) e Acre (0,719). 

Segundo o estudo, todas as vinte e sete unidades da federação apresentaram avanço no IDHM entre 2011 e 2014. Os maiores crescimentos no índice, no quadro a nível nacional, foram observados no Amapá, Amazonas e Piauí. 

O Distrito Federal (0,839), São Paulo (0,819) e Santa Catarina (0,813) foram as únicas unidades da federação (26 Estados e o DF) classificadas na faixa de muito alto desenvolvimento humano, quando o indicador está acima de 0,8. Outros cinco Estados aparecem com médio desenvolvimento humano (de 0,6 a 0,699) e dezenove, na faixa de alto desenvolvimento humano (de 0,7 a 0,799).

foto capaMarcio4Ever

Fonte - NewsRondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.