TEMER QUER QUE PORTUGAL SEJA 'VOZ DO BRASIL' PARA ACORDO COM UE

Governo pretende firmar acordo de livre comércio entre o Mercosul e a União Europeia.
Terça-Feira, 01 de Novembro de 2016 - 17:45

O presidente Michel Temer afirmou nesta terça-feira (1º) que Portugal pode ser "a voz do Brasil" na Europa para que o acordo de livre comércio entre o Mercosul e a União Europeia seja finalmente assinado.

Segundo integrantes do governo brasileiro, o acordo é uma "prioridade", mas ainda há resistências protecionistas por parte de alguns países europeus. No Ministério das Relações Exteriores, comandado por José Serra (PSDB), a expectativa é de que o tratado seja firmado em até dois anos.

"Há um tempo que tentamos formalizar esse acordo. E eu estava falando com o chanceler José Serra que Portugal poderia ser a voz do Brasil perante a União Europeia para formalizar o mais rápido possível esse acordo entre Mercosul e União Europeia", disse Temer após a visita oficial do primeiro-ministro português, António Costa, a Brasília.

O presidente disse ainda que o governo espanhol acenou recentemente que "ficaram facilitadas as negociações" para fechar o acordo.

Em rápida declaração à imprensa no Palácio do Planalto, Temer afirmou que a relação entre Brasil e Portugal "não ficou apenas nas palavras", mas "foi para a execução", com a assinatura de cinco acordos, três deles de cooperação em ciência e tecnologia.

Os investimentos de empresas portuguesas na infraestrutura do Brasil, por exemplo, outro tema tratado na reunião entre Temer e Costa, não é novidade. O país europeu já tem 600 empresas instaladas em território brasileiro, mas pretende expandir em "novas oportunidades" apontadas pelo governo do peemedebista.

Temer disse ainda que espera que Portugal "encomende logo uma nova formanada de aviões da Embraer". O governo português havia mostrado interesse em algumas aeronaves.

Já o primeiro-ministro português comemorou que as tratativas entre os países avançou além da importação e exportação de petróleo e carne. "Falamos de cooperação técnica e científica do mais alto nível", declarou. Com informações da Folhapress.

Fonte - noticias ao minuto

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.