OFICINAS E PALESTRAS DO SEMINÁRIO RURAL INCENTIVAM PRODUTORES DA REGIÃO DE ALVORADA DO OESTE

A região de Alvorada do Oeste recebeu o seminário rural contando com a participação do homem do campo. Isso porque as palestras e oficinas têm ampliado a visão empreendedora dos produtores rurais.
Segunda-Feira, 24 de Outubro de 2016 - 17:35

região de Alvorada do Oeste recebeu o seminário rural contando com a participação do homem do campo. Isso porque as palestras e oficinas têm ampliado a visão empreendedora dos produtores rurais.

As informações sobre tecnologia, gestão, práticas de manejo e agropecuária têm motivado pequenos agricultores a melhorar a produção de suas propriedades. É o caso do senhor Wellington Moraes, produtor de leite. Ele diz que aproveitou bastante a presença de especialistas para tirar dúvidas e aplicar as novidades que aprendeu no seminário em sua propriedade: “Estou impressionado com as novidades que vi aqui no seminário. O meu aprendizado foi muito bom, tem muita coisa para a gente evoluir, vou aproveitar essas informações que foram repassadas sobre pastagens e piquetes rotativos para melhorar meu trabalho. Todos que conheço gostaram desse trabalho da Emater e do Sebrae” afirmou o produtor.

Para Adenilson Pereira Lopes, o conhecimento repassado nas palestras e oficinas é importante para o trabalho diário do produtor rural. “Saber quantas vagas devem ficar em um piquete é de suma importância. Pelo aprendizado e conhecimento repassados pelos meninos da Embrapa e Emater, com certeza vamos melhorar bastante nosso trabalho” disse o produtor de leite Adenilson.

Lourival da Silva Mingareli também passou pelo seminário. Ele fez questão de participar e acompanhar de perto de todas as atividades do evento, principalmente aprender os cuidados necessários para uma produção de qualidade. Aos 43 anos de idade, Lourival decidiu investir no café. Em sua propriedade, reservou um espaço de 24 mil metros quadrados para plantar 5 mil pés de café clonado. A nova lavoura será toda irrigada. “Olha, a gente aprendeu mais sobre o café. Antes eu trabalhava com leite também, mas agora vou investir no café. Na palestra e nas oficinas aprendi muito sobre tecnologia, e esse café será todo plantado com tecnologia, tanto na irrigação quanto na adubação. Quero produzir café de qualidade porque é isso que o mundo quer hoje; o café clonal produz grande quantidade em pouco espaço, e agora eu vou trabalhar na qualidade” citou o agricultor.

A família de Lourival é quem desenvolve todo o trabalho na propriedade; a felicidade e expectativa em torno do café é tão grande que a nova cultura é o assunto da casa. “Eu falei para minha esposa que quero bater recorde de produção e qualidade. Ela me diz que nem plantei o café ainda e estou falando isso… Mas com o apoio do Sebrae, Emater e da Embrapa, a gente consegue qualidade, e agora quem não tiver qualidade fica para trás”, comentou Lourival Mingareli.

Quem também se animou com o tema “qualidade de produção” foi Roberto Fernandes Ferreira. Ele se diz bem feliz com a atividade leiteira, mas garante que vai melhorar o trabalho após a participação no seminário rural. “Sinceramente, fui participar meio desacreditado, mas depois que comecei a participar das oficinas e das palestras, fiquei muito feliz pelo que vivi, inclusive vou implantar o que aprendi na minha propriedade, principalmente o sistema de piquetes. Não vou mais vender meus bezerros porque agora vou ganhar espaço para cuidar deles na minha propriedade”, citou Roberto.

O Seminário Rural de Alvorada do Oeste foi  no período de 19 a 21 de outubro, realizado pelo Sebrae e o Governo do Estado através do convênio 044/2016 com a Suder em parceria com a Emater e a Embrapa. O primeiro dia do evento foi voltado para a cafeicultura. Na quinta-feira, segundo dia do seminário, o destaque será para a piscicultura e produção leiteira. Na sexta-feira, último dia de atividades, o interesse esteve voltado  ao cultivo do Inhame com especial atenção à época correta para o seu cultivo. Para saber mais sobre as soluções do Sebrae para o seu negócio, acesse www.sebrae.ro ou ligue gratuitamente para 0800 570 0800.

Fonte - Mário Antônio Veronese Varanda

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.