DEPUTADO JESUÍNO REPUDIA POSTURA DE PRESIDENTE DA CÂMARA FEDERAL

Para Boabaid, é um direito dos eleitores terem acesso para acompanharem as discussões e projetos dos Deputados Federais.
Quarta-Feira, 03 de Agosto de 2016 - 14:53

Durante seu pronunciamento na Sessão Ordinária ocorrida na última terça-feira (2) na Assembleia Legislativa, o Deputado Estadual Jesuíno Boabaid (PMN) declarou o seu repúdio ao atual Presidente da Câmara Federal, Rodrigo Maia. A rejeição do parlamentar se dá devido ao impedimento de cidadãos civis, bem como autoridades de todo o Brasil, não terem acesso para assistir as sessões ocorridas na Câmara Federal, em Brasília.

O parlamentar comentou que ao ir acompanhar a votação da PLP 257 foi impedido por seguranças que afirmaram que ele não poderia entrar para acompanhar as discussões. Boabaid indagou ao trabalhador sobre o motivo de tal impedimento, sendo lhe respondido que além dos Deputados Federais, as pessoas que tivessem interesse em acompanhar as sessões deveriam ter uma autorização por parte do Presidente daquela casa, ou seja, o Deputado Rodrigo Maia (DEM). “Ele (Rodrigo Maia) deve agir de forma democrática. Nós (Deputados) estamos aqui de forma transitória, assim como o senhor” pronunciou Boabaid.

Jesuíno qualificou como incabível e inaceitável o fato de o cidadão não ter acesso a galeria do plenário de uma casa Municipal, Estadual ou até mesmo Federal. Questionou ainda sobre o motivo de não se autorizar os cidadãos para acompanharem as discussões, tendo em vista o forte esquema de segurança ali instaurado que vai desde consulta através do CPF e até mesmo porta com detector de metais.

Para Boabaid, é um direito dos eleitores terem acesso para acompanharem as discussões e projetos dos Deputados Federais. Graças ao Deputado Lindomar Garçon (PRB), também de Porto Velho, o Deputado Jesuíno teve acesso para transitar por alguns ambientes daquele local.

Fonte - assessoria

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.