MAIS DE 520 MIL RONDONIENSES ESTÃO COM O NOME SUJO NO SERASA

Em apenas um ano, Rondônia teve aumento de 8,1 % inadimplentes.
Quarta-Feira, 29 de Junho de 2016 - 09:47

Estudo publicado nessa semana pela Big Data e os economistas da Serasa Experian revela a dimensão do aumento de inadimplência ou de pessoas que devem no país. Segundo o estudo, as regiões norte e nordeste concentram os maiores números de consumidores que estão com o nome restrito no sistema SPC.

Em apenas um ano, Rondônia teve aumento de 8,1 % inadimplentes. Os dados são referentes a março de 2015 a 2016. No ranking dos estados da região norte, Rondônia apareceu na quarta colocação e no número nacional em décimo quarto lugar. Em números, 529.259 mil rondonienses estão com o nome “sujo” na praça, só neste ano.

Ainda em relação à região norte, o Estado do Acre ocupa a primeira colocação com 17,9%, em seguida Tocantins 12,8%, Roraima 9,1%, Amazonas e Amapá juntos com 7,3% e o Pará com 5,9%.

Atualmente o Brasil possui cerca de 60 milhões de negativados. É a maior marca já registrada pela Serasa Experian desde que iniciou a medição, em 2012, quando pela primeira vez a inadimplência atingiu 50,2 milhões de pessoas.

Na distribuição da inadimplência pelo país, São Paulo segue concentrando a maior fatia do bolo, com 23,5% em março de 2016. O Rio de Janeiro vem em seguida com 9,9% dos 60 milhões de consumidores inadimplentes e Minas Gerais ocupa a terceira posição, com 9,2% do total. 

Fonte - NewsRondônia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.