DEPUTADO JESUÍNO BUSCA PAGAMENTO PARA PMS DA RESERVA REMUNERADA

Boabai agradeceu aos esclarecimentos do Secretário e salientou que irá continuar cobrando que os direitos dos servidores sejam respeitados.
Quarta-Feira, 15 de Junho de 2016 - 14:45

Chegou ao conhecimento do Deputado Estadual Jesuíno Boabaid (PMN) denúncia que trata sobre o não recebimento de pagamento de 14 Policiais Militares da Reserva Remunerada (RR) que trabalham realizando segurança em uma unidade escolar. Como Presidente da Comissão de Segurança Pública, Boabaid buscou resolver a problemática dos servidores.

O denunciante afirmou que tomou conhecimento sobre o Comando Geral da Polícia Militar do Estado de Rondônia estar recebendo currículos de policiais Militares que estão na Reserva Remunerada, para fins de contratação para trabalhar em regime de escala no Colégio Tiradentes da Polícia Militar em Jaci-Paraná, com remuneração aproximada de 52% sobre o valor do soldo em que foi para a reserva.

Assim como o militar que procurou o Deputado Jesuíno Boabaid, outros 14 servidores também entregaram currículo e prestaram serviço. Acontece que os militares, durante o trabalho, tomaram ciência de que não estavam inclusos na folha de pagamento do Estado, vindo a confirmar a notícia no final do mês, vez que não receberam seus proventos. Os Policiais Militares então procuraram informações junto a Secretaria de Estado de Segurança, Defesa e Cidadania (SESDEC) bem como a Superintendência Estadual de Gestão de Pessoas (SEGEP), porém, não obtiveram qualquer resposta de previsão de pagamento.

O Deputado Jesuíno Boabaid então encaminhou ofício para o Sr. Antônio Carlos dos Reis, Secretário da SESDEC, solicitando informações referente a irregularidade do pagamento de remuneração, visto que os referidos Policiais Militares já haviam buscado tais informações, mas até o presente momento não haviam conseguido resolver o problema.

Em resposta, foi encaminhado ofício ao parlamentar, vindo a informar que a demora na inclusão, referente a proventos pertinentes em filha de pagamento é devido a trâmites normais daquele departamento. Informou ainda que o processo encontrasse na DESP, para inclusão e pagamento do retroativo à contar de 15 de fevereiro deste ano.

Fonte - assessoria

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.