PAPA DECRETA QUE BISPOS NEGLIGENTES SOBRE PEDOFILIA SEJAM DESTITUÍDOS

Nos muitos casos comprovados, a grande maioria dos padres foi apenas transferida de paróquia, o que tem sido considerado "punição" branda demais.
Sabado, 04 de Junho de 2016 - 15:03

ROMA - O Papa Francisco assinou um decreto neste sábado, dia 4, que determina que bispos possam ser destituídos de suas funções caso se comprove que eles negligenciaram casos de pedofilia cometidos por padres. Por negligência, Francisco entende não apenas omissões, mas também administrações mal feitas de investigações sobre casos de abusos sexuais de menores de idade. O decreto foi incorporado ao direito canônico.

O pontífice já havia pedido, em várias ocasiões, a punição severa dos culpados de abusos sexuais contra menores e tolerância zero com essa "tragédia", como ele mesmo classifica.

Em 2014, Francisco criou no Vaticano uma comissão que pretende estabelecer novas práticas para se apurar denúncias de abusos cometidos por padres.

A Igreja Católica tem sido devastada, nos últimos 15 anos, por uma série de escândalos envolvendo sacerdotes que teriam abusado sexualmente de crianças e adolescentes. Nos muitos casos comprovados, a grande maioria dos padres foi apenas transferida de paróquia, o que tem sido considerado "punição" branda demais.

Fonte - Anderson Nascimento - Newsrondonia

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.