HOMEM ESTRANGULA PROFESSORA DE 23 ANOS PARA FAZER SEXO COM SEU CADÁVER

Carl Langdell e Katie Locke se conheceram em um site de relacionamentos 2 semanas antes do crime.
Quinta-Feira, 02 de Junho de 2016 - 17:18

Um estudante de direito obcecado por fantasias sexuais violentas espancou e estrangulou uma professora de 23 anos para fazer sexo com seu cadáver.

Apesar de o caso ter ocorrido na véspera do Natal do ano passado, Carl Langdell, de 26 anos, confessou na manhã desta quinta-feira (2) o assassinato de Katie Locke no hotel Theobolds Park, em Hertfordshire, na Inglaterra .

De acordo com o portal de notícias britânico Daily Mail, a corte do tribunal St Albans ouviu o criminoso logo após ele ter confessado o crime à sua mãe, dizendo a ela que era um monstro. Há suspeitas, também, de que ele tirou fotos do corpo de Katie já morta.

Apenas nove meses antes de matar a professora, Langdell disse à enfermagem da comunidade psiquiátrica que tinha vontade de cortar a garganta de uma garota, vê-la nua e fazer sexo com ela depois de morta.

Depois de ser preso, o psicopata descreveu a si mesmo a um psiquiatra como um monstro. Carl Langdell, de Cheshunt, Hertfordshire, assumiu a culpa pelo crime enquanto prestava depoimento no tribunal de St Albans na manhã desta quinta-feira. O juiz Andrew Bright disse que a sentença do criminoso vai sair na sexta-feira (3).    

Langdell conheceu Katie, que ensinava História e Política na escola Cardinal Pole em Hackney, no site de relacionamentos Plenty of Fish, apenas duas semanas antes de sua morte.

Eles combinaram de se encontrar pela primeira vez na noite de 23 de dezembro. A jovem acreditava que o Langdell era um advogado que trabalhava por conta própria.

A promotora Ann Evans afirmou ao tribunal que o trágico do caso é que Katie Locke, como milhares de outras jovens, aceitou encontrar Carl Langdell acreditando no que ele disse sobre si mesmo.

— Katie disse a um amigo que Carl a havia ditto que era um advogado que tinha sua própria empresa. Contudo, na verdade, ele não é um advogado e muito menos tem sua própria empresa. Era uma mentira.

A verdade é que nos últimos dois anos ele passou a apresentar intensos transtornos mentais, marcados por diversos períodos em hospitais psiquiátricos.

Fonte - r7

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.