AS PESSOAS DE BEM COMEMORAM. JÁ OS DEFENSORES DOS BANDIDOS...

Nessa semana, Rondônia ganhou mais um grande contingente de policiais. Esses que protegem a sociedade, mas vivem sob as críticas de uma minoria, que quer que os bandidos continuem nas ruas e o crime continue à solta.
Sabado, 21 de Maio de 2016 - 11:10

Que não olhem essas fotos os defensores dos criminosos. Que se benzam, ao ver essas imagens, aqueles que vivem em função da defesa dos direitos dos bandidos e nunca de suas vítimas. Que destilem ódio e ojeriza os que vivem vampirizando a sociedade, matando inocentes, atacando crianças, estuprando, cometendo os crimes mais cruéis, sob a complacência de leis vergonhosas, feitas para destruir as pessoas trabalhadores, as decentes, as que representam o bem. Nessa semana, Rondônia ganhou mais um grande contingente de policiais. Esses que protegem a sociedade, mas vivem sob as críticas de uma minoria, que quer que os bandidos continuem nas ruas e o crime continue à solta. Desses – incluindo aí jornalistas da grande mídia – que querem criminalizar as ações policiais, certamente imaginando que quando os bandidos forem invadir suas casas e destruir suas famílias, os tratarão de forma diferente, porque esses panacas defendem os direitos do crime. Quando mais 420 policiais militares estiveram policiando as ruas, o cidadão de bem, o trabalhador, a vítima das crueldades e da ode ao crime, esses aplaudirão. Se sentirão seguros, saberão que estão protegidos. Alguns desses novos PMs poderão até cometer erros, crimes e envergonhar as farda? Podem sim. Mas serão tratados como criminosos, não policiais. E serão punidos. Ao contrário da bandidagem, que mesmo com enormes fichas criminais, entram por uma porta e saem por outra, nas delegacias.

Rondônia é uma terra diferenciada. Enquanto a maioria das regiões do Estado reza para não quebrar, por aqui o Governo (que merece todos os elogios, sim!), está contratando. E contratando policiais, para tentar diminuir a violência que nos assola. Viva a segurança pública! E que se danem e vão para os quintos
dos infernos  esses amigos dos vagabundos,que se sentem incomodados quando a PM está nas ruas!

NÃO VALE UMA CPI?

Alguém aí tem explicação para que o preço da gasolina tivesse aumentado 9,2 por cento em um ano, em Rondônia? Ora, se o preço do petróleo teve uma queda brutal no mundo todo, porque tal diminuição não chegou ao consumidor? Será que não está na hora da Assembleia Legislativa fazer como fez com os frigoríficos: criar uma CPI para investigar as denúncias de cartel nos postos de combustíveis, principalmente na Capital? O rondoniense fica sem saber o que está acontecendo, já que por aqui os reajustes são constantes, praticamente todos os meses, enquanto o preço mundial desaba. Teremos todos nós caras de otários? Parece que sim...

ATAQUES À CRIANÇAS

São 52 casos em Vilhena em Chupinguaia. Mais 53 em Ji-Paraná.  Perto de uma centena em Porto Velho. Os números continuam crescendo na maioria das cidades e deixam as comunidades assustadas. Referem-se a casos de abusos sexuais contra crianças e adolescentes. Na maioria das vezes, os ataques acontecem dentro de casa e são feitos por alguém muito próximo. Trágico, lamentável e horroroso. Gente envolvida com esse tipo de crime, deveria receber penas duríssimas de prisão. Campanhas nacionais, que repercutem por aqui, não têm conseguido conter a verdadeira praga do ataque sexual a crianças. Há que se tomar medidas muito mais drásticas, porque só com conversa e frases bonitas não se resolve uma coisa tão terrível quanto essa.

AMOR E ABRAÇO

Um conhecido publicitário comentou que em todas as campanhas políticas, os slogans pobres e óbvios se repetem. Um deles é o “Amor Por Minha Cidade”. Repetido dezenas de vezes, é bom avisar aos fãs da mesmice: nunca ninguém se elegeu (ao menos no caso de Porto Velho), usando essa frase, que seria ótima, fosse dita por um cidadão comum, mas que na boca de candidatos soa falsa. Outro é vamos abraçar isso ou aquilo!”, criando um factoide que, muitas vezes, pode ter conotação eleitoreira. Também parece falsidade que o eleitor, cada vez menos otário,  para essas mesmices. É bom começar a usar a criatividade. Senão...

“PRIORIDADE É A NOSSA GRANA!”

Onze milhões e meio de desempregados. Mas para os amiguinhos das verbas públicas, meia dúzia de apaniguados, o vital para o país é se manter o Ministério da Cultura, com seu cabide de empregos. Mais de 110 mil empresas de portas fechadas. Mas isso não quer dizer nada. O importante é manter o dinheirinho do Ministério da Cultura, dividido entre os mesmos de sempre. A saúde pública apodrece. O país perdeu 24 mil leitos hospitalares nos últimos anos e os doentes são jogados em corredores. Ah!, mas isso não tem problema. A gente dá um jeito, Porque o importante mesmo é manter uma graninha no bolso dos petistas de carteiras, amigos da querida Presidente Dilma, que sempre os prestigiou e sempre lhes deu uma graninha. Não fosse o Ministério da Cultura, o Brasil estaria quebrado. Não dá nojo?

FIERO E O FUTURO

O presidente da Fiero, Marcelo Thomé, é o entrevistado do programa DIRETO AO PONTO deste sábado. na SICTV, em rede estadual, a partir das 13h15 da tarde. Na entrevista exclusiva a Sérgio Pires, ele fala sobre o que o empresariado espera do novo governo e a situação crítica da economia nacional. Uma nova iniciativa da Fiero, para que a educação rondoniense dê um salto em todos os sentidos e prepare muito melhor nossos jovens para o futuro, é um novo programa que será lançado na próxima semana. Esses e muitos outros assuntos estarão no bate papo, em rede estadual, para todas as emissoras afiliadas à SICTV/Record.

PERGUNTINHA

Alguém entendeu o documento emitido pelo PT, voltando à teorias do século passado, defendendo o comunismo e não citando qualquer crítica à corrupção e roubalheira que grassou durante os dois mandatos do governo do partido?

Fonte - sergio pires

Comentários

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.