News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Domingo, 20 de Junho de 2021

Livre

PRODUTORES RURAIS SE REÚNEM PARA DISCUTIR GESTÃO DA “FEIRA DE NOVA MUTUM PARANÁ”

Galpão da feira foi doado pela Energia Sustentável do Brasil e será inaugurado em abril.
Quinta-Feira, 24 de Mar?o de 2016 - 11:36

O sonho tão esperado pelos produtores rurais e feirantes de Nova Mutum Paraná está perto de se tornar realidade. Uma reunião foi realizada para discutir a gestão da feira e escolher o nome para a fachada do galpão que vai abrigar os feirantes e foi doado pela Energia Sustentável do Brasil, concessionária da Usina Hidrelétrica Jirau. A inauguração do novo espaço está prevista para abril.

Participaram da reunião com os produtores rurais e feirantes, a equipe técnica da ESBR, representantes da Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (SEMAGRIC), da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER), do Observatório Ambiental Jirau e da Cooperativa dos Produtores Rurais do Observatório Ambiental Jirau (COOPPROJIRAU). O nome “Feira de Nova Mutum Paraná” foi uma escolha dos próprios feirantes e produtores rurais, que juntamente com os demais representantes, formaram uma comissão para iniciar o trabalho de gestão do negócio.

A comissão deve estudar as leis gerais apresentadas pela SEMAGRIC e marcar outros encontros para discutir novas propostas e indicar a diretoria da feira. Entre os tópicos acordados, estão, os projetos de arborização no entorno da feira e do estacionamento, que serão feitos pela SEMAGRIC. A arborização deverá conter espécies frutíferas de pequeno porte. Além disso, ficou acordado que cada associação passará uma lista dos feirantes com os produtos que serão comercializados.

Para o diretor do Departamento de Agroindústria da SEMAGRIC, Manoel Izídio Ferreira, a inauguração do galpão trará novos horizontes para o produtor rural. “Eles ganharam a melhor estrutura de feira do estado. Queremos fazer um mercado modelo e acreditamos que será um marco para Porto Velho”, destaca.

O galpão da feira possui 1.600 metros quadrados com piso de cimento, é protegido nas laterais, tem uma parte móvel no teto para circulação de ar e conta ainda com instalação elétrica e banheiros feminino e masculino. O gerente de Meio Ambiente da ESBR, Veríssimo Neto, enfatizou a importância da gestão da feira. “A ESBR se comprometeu com a construção do galpão e cumpriu. Agora, o próximo passo é concretizar o seu uso e a integração de todos esses agentes é muito importante para discutir a melhor forma de gestão da feira”, ressalta.

Para o produtor rural do Reassentamento Rural Coletivo Vida Nova, Rufino Nonato, esta é uma grande oportunidade para aumentar a renda familiar. “Creio que vai acontecer conforme estamos esperando. A ideia é trazer meus produtos para a feira e lucrar mais”, disse otimista. 

Fonte - Prefeitura

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.