News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Sexta-Feira, 07 de Maio de 2021

Livre

SERVIDORES MUNICIPAIS DE ROLIM DE MOURA REJEITAM CONTRAPROPOSTA DO EXECUTIVO MUNICIPAL

Em resposta a pauta de vindicação, oficio 019/SINSEZMAT/2016 o executivo municipal encaminhou a contraproposta através do oficio nº 017/PGM/2016, que foi lido e amplamente debatido pelos presentes.
Segunda-Feira, 29 de Fevereiro de 2016 - 10:23

Na sede do SINSEZMAT com quórum estatutário, os servidores municipais de Rolim de Moura realizaram na tarde de terça-feira, (23), uma assembleia geral para deliberação sobre contra proposta do executivo municipal, referente à pauta de reivindicação e vindicação do ano 2015 e 2016 e outros assuntos de interesse da categoria.

Durante a assembleia os temas debatidos foram à evolução da inflação, perca salarial acumulada, condições de trabalho, dívida do município junto ao instituto de previdência Rolim Previ, acordo firmados e não cumpridos pela administração junto aos trabalhadores, atraso de pagamento de salários, piso nacional do magistério, Lei de responsabilidade fiscal e a participação de membros do SINSEZMAT no conselho de gestão e estratégia.

Em resposta a pauta de vindicação, oficio 019/SINSEZMAT/2016 o executivo municipal encaminhou a contraproposta   através do oficio nº 017/PGM/2016, que foi lido e amplamente debatido pelos presentes. A data base de reposição salarial e mês de janeiro e o município apresenta a proposta de reposição sendo 2% em Abril, 2% em Agosto, 3% em outubro e 3% em dezembro que não repõe  a inflação de 2015, e as demais vindicações segundo o executivo não poderão ser atendidas.

No andamento da apresentação os servidores ficaram indignados e ao receberem oportunidades para explanar suas ideias alguns desabafaram e era possível ver em cada um a decepção com a atual administração municipal, e a resposta para proposta do executivo foi uma só, “Não” os servidores recusaram a proposta feita via oficio. 

A categoria deliberou por não aceitar a proposta do executivo e a não participação do SINSEZMAT no conselho. Decidindo por uma nova audiência provocando uma nova rodada de negociações junto   a Administração Municipal, propondo apenas alteração no item da reposição salarial para 10,61% retroativo a janeiro, cumprindo os dispositivos da LEI COMPLEMENTAR Nº 182/2014  e de acordo com o artigo 37 da CF/1988 onde trata da revisão geral da remuneração dos servidores públicos e mantendo os outros pontos da pauta de vindicação continuam inalterados.

O mínimo que a administração deveria oferecer é pagamento dos salários em dia, reposição salarial na data base, pagamento do piso salarial do magistério, garantindo assim o poder de compra dos trabalhadores e o mínimo de condições de trabalho. Continuando afirma objetivo da entidade sindical e defender e assegurar os direitos dos trabalhadores e destacou: “Somos fortes unidos e não vamos deixar que os nossos direitos fossem retirados, fala Felipin”.

Fonte - Assessoria/SINSEZMAT

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.