News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Sabado, 15 de Maio de 2021

Livre

LÍDER DE CONFÚCIO MOURA NA ALE-RO RECLAMA DA FALTA DE DIÁLOGO COM A SEJUS

O parlamentar afirmou que a Secretária de Justiça não vem respondendo aos seus clamores. Ele exemplificou o imbróglio entre servidores e a instituição que está há algum tempo sem uma resposta.
Sabado, 20 de Fevereiro de 2016 - 15:23

Pelo que aparenta, possuir prerrogativa parlamentar não está valendo muito na hora receber retorno de algumas autarquias do estado. A queixa é geral. Se não está fácil para deputado, imagina para o cidadão quer precisar resolver uma burocracia imediata. Este vai continuar penando, e principalmente quando o assunto em voga envolver a Secretaria de Estado da Justiça (SEJUS). E quando o próprio líder do governo reclama da falta de diálogo ou retorno para as suas demandas?

Foi justamente o que aconteceu com o deputado, Luizinho Goebel (PV), o líder do governo Confúcio Moura na Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE-RO).  Durante a sessão realizada nessa semana, o parlamentar não poupou nas queixas e disparou contra a direção da Sejus que não vem atendendo os seus chamamentos. Goebel, pediu um espaço na Sessão Ordinária, e pediu mais humildade.

“Eu já vi, nesses dez anos de parlamento, que muitas vezes alguns secretários acabaram assumindo uma pasta e não tinham humildade para ouvir críticas e sugestões. E quando você fecha as portas, automaticamente deixa de criar novas oportunidades que são importantes”, discursou.

O parlamentar afirmou que a Secretária de Justiça não vem respondendo aos seus clamores. Ele exemplificou o imbróglio entre servidores e a instituição que está há algum tempo sem uma resposta.

“Tenho demandas na minha região, por exemplo, de fechamento de unidade socioeducativa no município de Cerejeiras. Eu não consigo se quer ter uma resposta para poder afirmar aos servidores se haverá ou não o fechamento. Também tenho demandas dentro da Sejus, de servidores que possuem processos administrativos e que não querem que saia parecer favorável, eles necessitam de uma decisão para que tenham o direito de recorrer a justiça se for preciso. E nós, infelizmente, não temos essa discussão”.

Finalizando sua fala, Luizinho Goebel tornou a pedir humildade no trato institucional e reforçou sua queixa em desfavor da Secretaria. “Acho que a maior qualidade que o ser humano pode ter é a humildade. Tenho a grande certeza que hoje, nós temos quase que um todo, maioria absoluta, de secretários de Estado e um governo que tem humildade de alma, coração e tem dado as condições para levar nossas demandas. Mas, isso não tem acontecido na Sejus!”, finalizou.

Fonte - NEWSRONDONIA

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.