News Rondonia - Noticias de Rondonia, Brasil e o Mundo
Sabado, 08 de Maio de 2021

Livre

EMPRESÁRIO DE JI-PARANÁ ESTAVA NO MONOMOTOR QUE CAIU EM FLORIANÓPOLIS

Robson Guimarães havia comprado o avião em julho de 2015; família ainda aguarda notícias para se deslocar à Capital catarinense.
Segunda-Feira, 01 de Fevereiro de 2016 - 09:55

O empresário Robson Guimarães e o piloto Marlon Neves estavam no avião monomotor que caiu no mar poucos minutos depois de decolar do Aeroporto Internacional Hercílio Luz, nesta segunda-­feira (1).

A confirmação foi feita por funcionários de uma empresa dirigida e presidida por Guimarães. Uma colaboradora, que estava emocionada no momento que atendeu ao telefonema da redação do Notícias do Dia e que não quis se identificar, ainda afirmou que a família aguarda notícias mais precisas sobre o acidente para, depois, se deslocar a Florianópolis.

Robson Guimarães era um pecuarista. Em 2003, em Ji­Paraná (RO), fundou a empresa Bigsal, na qual era diretor­presidente, e passou a fabricar produtos voltados para cria, recria, engorda, corte e ordenha de gado. Em 2008, entrou expandiu os negócios para os ramos da avicultura e da piscicultura.

Aeronave era nova e foi comprada em julho de 2015

A aeronave que caiu próximo à Ilha do Campeche poucos minutos após deixar o Aeroporto Internacional Hercílio Luz era um modelo TBM900, da fabricante francesa Daher. De acordo com notícia veiculada no site da distribuidora oficial da aeronave, Robson Guimarães adquiriu o veículo em julho do ano passado.

Ainda segundo a distribuidora, o modelo é o monomotor mais rápido do mundo, com 330knots (611 km/h) de velocidade de cruzeiro. O veículo tem capacidade para cinco passageiros e um piloto e pode voar até a 31 mil pés de altura (quase 10 quilômetros).

Fonte - ndonline

Comentarios

News Polícia

Editoria de Cultura

Editoria Geral

Siga-nos:

POLITICA DE PRIVACIDADE

Todos os direitos reservados. © News Rondonia - 2021.